sexta-feira, 9 de agosto de 2019

PAN-AMERICANO LIMA 2019: Argentina vence o Brasil

Argentina vence o Brasil pela segunda rodada Jogos Pan-Americanos 2019

Depois de passar por Porto Rico na estreia, a seleção brasileira feminina de vôlei não conseguiu vencer a Argentina pela segunda rodada dos Jogos Pan-Americanos. Nesta quinta-feira (08.08), as brasileiras foram superadas pelas argentinas por 3 sets a 0 (25/23, 25/19 e 25/23), em Lima, no Peru. Brasil e Argentina estão no grupo B da competição ao lado de Porto Rico e dos Estados Unidos.

O grupo A é formado por Peru, República Dominicana, Canadá e Colômbia. As equipes se enfrentarão dentro dos respectivos grupos e as duas melhores de cada passarão às semifinais da competição. Na última edição dos Jogos Pan-Americanos, em Toronto, no Canadá, a seleção feminina ficou com a medalha de prata.

O Brasil voltará à quadra às 15h (Horário de Brasília) desta sexta-feira (09.08) contra os Estados Unidos. O SporTV 2 e a Rede Record transmitirão ao vivo.

A oposta Lorenne foi a maior pontuadora entre as brasileiras, com 18 pontos. A central Mara também se destacou com 10 acertos. Pelo lado da Argentina, destaque para a oposta Fresco, maior pontuadora do duelo, com 26 pontos.

O treinador José Roberto Guimarães lamentou a derrota e fez uma análise da atuação das brasileiras.

“A Argentina jogou melhor e mereceu a vitória. Nosso passe não foi a contento e o ataque também não funcionou em alguns momentos. Tivemos chances no primeiro set, mas não aproveitamos. De qualquer maneira foi uma partida em que nossas jogadoras lutaram e brigaram pelo resultado até o final”, disse José Roberto Guimarães.

Nessa temporada, a seleção feminina carimbou no último sábado (03.08) o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio ao terminar o Pré-Olímpico com três vitórias em três jogos. No final de julho, as brasileiras conquistaram a medalha de prata na Liga das Nações. A fase final da competição foi disputada em Nanquim, na China. Na ocasião, três brasileiras entraram na seleção da Liga das Nações. A levantadora Macris, a ponteira Gabi e a central Bia foram eleitas as melhores das suas posições.

O JOGO

A Argentina começou melhor e fez 5/2. Numa bola de segunda da levantadora Macris, o Brasil deixou tudo igual no placar (6/6). O time verde e amarelo cresceu de produção e abriu três pontos (9/6). Com volume de jogo, a Argentina virou o marcador e fez 16/14. Bem no saque, as argentinas fizeram 18/15. Numa boa sequência de saques da central Mara, o Brasil deixou tudo igual no placar (21/21). A Argentina foi melhor no final da parcial e venceu o primeiro set por 25/23.

A time argentino seguiu melhor e fez 5/2 no início da segunda parcial. Quando as argentinas fizeram 6/2 o treinador José Roberto Guimarães pediu tempo. Bem no bloqueio e na defesa, as brasileiras diminuíram a vantagem no marcador para dois pontos (10/8). A Argentina foi para o segundo tempo técnico com quatro de vantagem (16/12). Depois de um longo rally, as brasileiras diminuíram a vantagem para três pontos (21/18). As argentinas seguiram melhores e venceram o segundo set por 25/19.

O Brasil fez os dois primeiros pontos do terceiro set. Com uma boa sequência de saques da levantadora Macris, o Brasil abriu dois pontos (8/6). A oposta Lorenne cresceu de produção no jogo e o bloqueio brasileiro passou a funcionar na parcial. Desta forma, as brasileiras abriram quatro pontos (12/8). Bem no saque, a Argentina diminuiu a vantagem para um ponto (17/16). O set seguiu equilibrado até o final e as argentinas fecharam o set por 25/23 e o jogo por 3 sets a 0.

EQUIPES:

BRASIL – Macris, Lorenne, Maira, Lana, Mara e Lara. Líbero – Natinha 
Entraram – Juma, Paula Borgo, Tainara, 
Técnico – José Roberto Guimarães

Fonte: CBV
Foto: Divulgação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...