domingo, 2 de dezembro de 2018

SUPERLIGA 2018/19: Em jogo equilibrado, EMS Taubaté Funvic vence Sesc RJ

Em jogo equilibrado, EMS Taubaté Funvic vence e tira a invencibilidade do Sesc RJ

EMS Taubaté Funvic (SP) e Sesc RJ corresponderam as expectativas e fizeram um jogo extremamente equilibrado, bem disputado e decidido apenas no tie break. No final, melhor para o time paulista que, em casa, no ginásio Abaeté, venceu por 3 sets a 2 (25/19, 15/25, 25/23, 23/25 e 15/10) em partida válida pela sétima rodada do turno da Superliga Cimed masculina de vôlei 2018/2019. Com o resultado, o Sesi-SP segue como único invicto na competição.

Os dois times apresentaram grandes destaques individuais, jogadores de seleção brasileira, campeões olímpicos e vice-campeões mundiais, e um deles recebeu o maior número de votos no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). O ponteiro Lucarelli, campeão nos Jogos Rio-2016, foi o mais votado e, por isso, premiado com o Troféu VivaVôlei.

Após o jogo, Lucarelli fez uma análise. “Fizemos uma boa partida, todo o grupo ajudou nesta noite, mantivemos a calma nos momentos difíceis e vencer uma equipe que estava invicta nos dá uma confiança ainda maior. Isso passa a ser muito importante para os próximos desafios, que são jogos muito difíceis também”, disse o ponteiro Lucarelli.

Outro destaque do jogo deste sábado ficou do outro lado da rede. O central Maurício Souza teve boa atuação, marcou 14 pontos – sendo oito de ataque, cinco de bloqueio e um de saque – atrás apenas do oposto Wallace, responsável por 20 pontos para o seu time. O também campeão olímpico avaliou a partida.

“A Superliga Cimed é isso. Todos são jogos duros, com sets e jogos decididos nos detalhes e temos que ter cabeça boa agora. Acho que poderia ter sido melhor, pecamos em alguns aspectos, mas estamos no caminho certo. Agora é seguir trabalhando, fazer uma semana boa de treino e preparar para sábado”, disse Maurício Souza.

O EMS Taubaté Funvic volta à quadra pela Superliga Cimed no próximo sábado (08.12), quando irá a capital paulista enfrentar o Sesi-SP na partida que vai marcar a estreia das transmissões da TV Gazeta. O confronto será às 17h30. Já o Sesc RJ irá ao interior de São Paulo enfrentar o Vôlei UM Itapetininga (SP) no mesmo dia, às 18h, com transmissão ao vivo do Canal Vôlei Brasil.

O JOGO

Vissotto abriu o placar da partida a favor do EMS Taubaté Funvic. Maurício Souza respondeu para o Sesc RJ. Em grande passagem de Douglas pelo saque, o time da casa chegou a 6/1, forçando o técnico Giovane a pedir tempo. Na volta, 7/1. A equipe carioca reagiu e aproximou no placar em 7/9. No ace de Lucarelli, 11/7. Vissotto pontuou pela entrada de rede e fez 15/10. Lucarelli marcou 18/13. Uriarte pintuou na bola de segunda e o EMS Taubaté Funvic chegou a 20/14. Contando com erros do adversário, os donos da casa fizeram 23/17. E Lucão deu números finais ao primeiro set: 25/19.

Depois de uma bola bastante disputada e grande defesa de Thales, Lucarelli pontuou e o EMS Taubaté Funvic abriu 3/1 logo no começo do segundo set. O Sesc RJ buscou e, no bloqueio de Maurício Souza, empatou em 3/3. Com mais um ponto do central neste mesmo fundamento, o time visitante fez 6/4. Leandro Vissotto marcou 8/10 para o grupo paulista. Quando o adversário fez 13/8, Daniel Castellani pediu tempo. Melhor no segundo set, o Sesc RJ chegou a 15/10. Com Maurício Souza pontuando bem, em especial no bloqueio, a equipe do Rio de Janeiro abriu nove de vantagem: 19/10. Essa diferença foi a 10 pontos em 22/12. E o Sesc RJ fechou em 25/15.

Os times fizeram um início de terceiro set equilibrado, com um de vantagem para o EMS Taubaté Funvic: 5/4. O placar esteve igual em 6/6 e, no ace de Wallace, o Sesc RJ assumiu o comando do placar em 7/6. Japa bloqueou e o time do Rio abriu dois de vantagem (10/8). O set ganhou ainda mais equilíbrio e, em grande ataque de Douglas, o EMS Taubaté Funvic deixou o marcador igual em 14 pontos. Com mais um ponto de bloqueio de Maurício Souza, 19/19. No lance seguinte, bloqueio de Lucão e 20/19 para o EMS Taubaté Funvic. Em uma parcial bem mais equilibrada, o time da casa venceu por 25/23.

O quarto set também começou equilibrado. No bloqueio de Vissotto, os donos da casa colocaram um a frente em 4/3. Wallace pontuou e colocou o Sesc RJ com dois de vantagem: 7/5. A diferença aumentou em 8/5 e Castellani pediu tempo. A parada não funcionou e a diferença passou a ser de quatro (10/6). Wallace fez 12/9. O Sesc RJ seguiu no comando do marcador e, com Wallace na diagonal curta, fez 16/11. Castellani pediu tempo. Wallace seguiu pontuando bem e fez 17/11. No ponto de saque de Lucarelli, Taubaté marcou 15/19. O Sesc RJ esteve no comando do placar na reta final do set em 22/18. O EMS Taubaté Funvic reagiu em boa passagem de Douglas pelo saque e tirou a diferença para 20/22. Com Lucarelli, 21/22. Depois de uma bola muito disputada, com grandes defesas dos dois lados, Djalma pontuou e o Sesc RJ fez 24/22. No final, 25/13 para o time carioca.

Com Lucão duas vezes, no ataque e no saque, o EMS Taubaté Funvic abriu 2/0 no início do set decisivo. O time da casa ainda abriu 3/1 com Douglas. Lucarelli marcou 5/2. No bloqueio de Lucarelli, a equipe paulista abriu 7/3 e Giovane pediu tempo. No erro do adversário, o EMS Taubaté Funvic chegou a 9/5. Wallace explorou o bloqueio adversário e o Sesc RJ fez 9/12. Mas, em casa, a equipe paulista levou a melhor e venceu por 15/10.

Fonte: CBV
Foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...