quarta-feira, 7 de junho de 2017

MONTREUX VOLLEY MASTERS: Brasil estreia com vitória sobre a Polônia no Montreux Volley Masters

Brasil estreia com vitória sobre a Polônia no Montreux Volley Masters

A seleção brasileira feminina de vôlei começou com vitória na edição 2017 do Montreux Volley Masters. A equipe do treinador José Roberto Guimarães venceu, nesta terça-feira (06.06), a Polônia por 3 sets a 1 (25/20, 21/25, 25/23 e 26/24), em 1h58 de jogo, no OminiSports, em Montreux, na Suíça. As brasileiras lutam pelo sétimo título da competição.

O Brasil voltará à quadra nesta quarta-feira (07.06), às 16h15 (horário de Brasília), contra a Alemanha. O SporTV 2 transmitirá ao vivo. Brasileiras e alemãs formam, ao lado da Polônia e da Tailândia, o grupo B. Já a chave A conta com China, Holanda, Argentina e Suíça. As seleções se enfrentam dentro dos seus respectivos grupos e as duas mais bem classificadas passarão às semifinais.

A oposta Tandara foi a maior pontuadora do confronto, com 21 acertos. A ponteira Natália, com 17, e a central Adenízia, com 10, também pontuaram bem para as brasileiras. Pelo lado da Polônia, a atacante Natalia Medrzyk foi a maior pontuadora, com 18 acertos.

Para Tandara, o time brasileiro conseguiu uma importante vitória na sequência da competição.

"Foi um bom início. Ainda erramos bastante, mas conseguimos sair de situações difíceis na partida e o grupo está de parabéns por isso. O fato de termos vencido por três sets a um foi muito importante para seguirmos na competição com mais confiança. Acredito que vamos evoluir a cada jogo", disse Tandara, que também falou sobre o duelo desta quarta-feira contra a Alemanha.

"A Alemanha está jogando há um tempo pois elas disputaram o classificatório europeu para o Mundial. É uma equipe com um jogo mais rápido do que a Polônia e vamos ter que ter atenção e diminuir o nosso número de erro", explicou Tandara.

O treinador José Roberto Guimarães comentou sobre o resultado positivo contra a Polônia e fez uma análise do próximo adversário do time verde e amarelo na competição.

"Foi uma vitória importante e um bom começo em Montreux. Vitórias, pontos e sets são importantes no desempate. Agora é descansar e pensar na Alemanha que vem embalada da classificação para o Mundial. É um time jovem, mas que já tem alguma experiência. Será um bom jogo", afirmou José Roberto Guimarães.

Outros jogos

Também nesta terça-feira, a China superou a Suíça por 3 sets a 0 (25/15, 25/15 e 25/16).

O JOGO

Com um ponto de contra-ataque da ponteira Drussyla, o Brasil fez 6/4 no início do primeiro set. Bem no boqueio, as brasileiras aumentaram a vantagem no placar para três pontos (9/6). Se aproveitando dos erros das europeias, a vantagem no placar aumentou para seis pontos (16/10). Quando as brasileiras fizeram 19/14, o técnico da Polônia pediu tempo. A Polônia cresceu de produção e encostou (19/17). Bem no bloqueio, o Brasil foi melhor na parte final da parcial e venceu o primeiro set por 25/20.

A Polônia voltou melhor para o segundo set e fez 6/2. O Brasil cresceu de produção e encostou (10/9). O set ficou disputado ponto a ponto. Bem no bloqueio, o time verde e amarelo empatou (14/14). Com uma boa largada, as polonesas fizeram 20/18. Bem no saque, as europeias dominaram o final do set e venceram a parcial por 25/21.

A Polônia manteve o bom momento no início do terceiro set e fez 3/1. Bem no saque, o Brasil empatou (4/4). A central Carol conseguiu um ponto de bloqueio e o time verde e amarelo fez 8/7. Quando o time verde e amarelo fez 10/7, o técnico da Polônia pediu tempo. Mesmo com a paralização, a equipe do treinador José Roberto Guimarães continuou melhor e o Brasil abriu cinco pontos (13/8). Se aproveitando dos erros das brasileiras, a Polônia empatou (17/17). A ponteiras Natália e Amanda se destacaram no final da terceira parcial e o time verde e amarelo levou a melhor por 25/23.

A quarta parcial começou equilibrada. Com um ataque da ponteira Amanda, o Brasil empatou (8/8). A Polônia cresceu de produção e abriu três pontos (13/10). A equipe verde e amarela equilibrou o passe e encostou (15/14). E com dois pontos seguidos da ponteira Natália, o Brasil abriu dois pontos (17/15). O final da parcial foi disputado ponto a ponto. Com um ponto de bloqueio da central Adenízia, o Brasil fechou o set por 26/24 e o jogo por 3 sets a 1.

EQUIPES:

Brasil - Roberta, Tandara, Natália, Drussyla, Adenízia e Carol. Líbero - Suelen
Entraram - Edinara, Naiane, Amanda, Mara 
Técnico - José Roberto Guimarães

Polônia: Kakolewska, Efimienko, Bociek, Wolosz, Medrzyk e Smarzek, Líbero - Krzos
Entraram - Patrycja, Agata, Martyna, Plesnierowicz, Jasek
Técnico - Jacek Nawrocki

Fonte e Foto:Divulgação CBV

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...