sábado, 10 de junho de 2017

MONTREUX VOLLEY MASTERS 2017: Brasil garante vaga na semi

Brasil vence Tailândia e garante vaga na semi do Montreux Volley Masters

A seleção brasileira feminina de vôlei está na semifinal da edição 2017 do Montreux Volley Masters. Nesta sexta-feira (09.06), o Brasil venceu a Tailândia por 3 sets a 1 (25/16, 24/26, 25/17 e 25/14), em 1h45 de jogo, pela última rodada da fase de classificação, na Salle Omnisports Perrier, em Montreux, na Suíça. Com o resultado, o time verde e amarelo terminou a classificatória na liderança do grupo B, com dois resultados positivos (Polônia e Tailândia) e um negativo (Alemanha). 

Na semifinal, que será disputada neste sábado (10.06), o Brasil terá como adversário a China, segunda do grupo A, às 16h (horário de Brasília). O SporTV 2 transmitirá ao vivo. A outra semifinal reunirá a Alemanha, segunda do B, e a Argentina, primeira do A. 

A oposta Tandara foi a maior pontuadora entre as brasileiras, com 17 pontos. As centrais Adenízia e Carol também se destacaram, com 15 e 13 acertos, respectivamente. Pelo lado da Tailândia, a atacante Pimpichaya foi quem mais marcou pontos, com 15. 

A central Carol parabenizou o grupo brasileiro pelo resultado e elogiou a disciplina tática da equipe do treinador José Roberto Guimarães. 

"Fico feliz com o resultado e a classificação para a semifinal. Estamos com um time novo que está jogando pela primeira vez como equipe. Estamos no caminho certo com todo mundo querendo evoluir. Hoje fomos mais agressivas e jogamos melhor taticamente e tecnicamente. Agora vamos em busca de mais uma decisão", disse Carol. 

O treinador José Roberto Guimarães fez uma análise da partida e falou sobre o momento atual do grupo brasileiro. 

"Ainda cometemos alguns erros que com treinamento podem ser corrigidos. Essas meninas nunca jogaram juntas como time e estão há pouco tempo reunidas. A equipe está se ajustando. Hoje o ataque e o contra-ataque funcionaram bem. Nossa precisão de saque foi melhor e a nossa defesa se movimentou bem. A Tailândia é um time difícil de se jogar contra. Era um jogo preocupante e temos que valorizar esse resultado. Agora, vamos pensar na China", analisou José Roberto Guimarães. 

O Brasil luta pelo sétimo título do Montreux Volley Masters. 

O JOGO 

O set começou disputado ponto a ponto. Numa largada da ponteira Natália, o Brasil fez 6/5. Se aproveitando dos erros da Tailândia, o time verde e amarelo abriu quatro pontos (10/6). A central Carol conseguiu um ponto de saque e as brasileiras aumentaram a vantagem para cinco pontos (14/9). Depois de uma boa largada da ponteira Drussyla, as brasileiras fizeram 18/12. O Brasil segurou a vantagem até o final e venceu o primeiro set por 25/16. 

Com bom volume de jogo, o Brasil fez os dois primeiros pontos do set. Bem no bloqueio, as brasileiras abriram quatro pontos (5/1). Se aproveitando dos erros do Brasil, a Tailândia encostou (7/6). Bem no saque e nas bolas de velocidade, as brasileiras abriram três pontos (13/10). O volume de jogo da Tailândia passou a incomodar o time verde e amarelo e a diferença no marcador caiu para um ponto (14/13). Numa bola rápida com a central Adenízia, as brasileiras fizeram 16/14. Quando as tailandesas encostaram no placar (19/18), o técnico José Roberto Guimarães pediu tempo. A Tailândia conseguiu uma grande reação e levou a melhor no segundo set por 26/24. 

O Brasil voltou melhor para o terceiro set e fez os quatro primeiros pontos da parcial. Em um ataque da central Adenízia, o time verde e amarelo abriu cinco pontos (8/3). Com um ponto de saque da ponteira Drussyla, as brasileiras aumentaram a vantagem no placar para oito (12/4). Numa bola de segunda da levantadora Roberta, as brasileiras fizeram 16/7. Quando o Brasil fez 18/7, o técnico da Tailândia voltou a parar o jogo. O time verde e amarelo dominou a parcial até o final e venceu o terceiro set por 25/17. 

A Tailândia voltou melhor para o quarto set e fez 6/4. Com um ponto de bloqueio da central Adenízia, o time verde e amarelo empatou. O Brasil cresceu de produção com a entrada da ponteira Rosamaria no lugar de Drussyla e o time verde e amarelo abriu dois pontos (9/7). Bem no bloqueio, o Brasil fez 12/9. No segundo tempo técnico, o time verde e amarelo tinha cinco de vantagem (16/11). As brasileiras dominaram a parcial até o final e venceram o set por 25/14 e o jogo por 3 sets a 1. 

EQUIPES: 

Brasil - Roberta, Tandara, Natália, Drussyla, Adenízia e Carol. Líbero - Suelen
Entraram - Amanda, Naiane, Edinara, Rosamaria, Gabi e Mara
Técnico - José Roberto Guimarães

Tailândia: Phomla Soraya, Kokram Pimpichaya, Kongyot Ajcharaporn, Moksri Chatchu-On, Thinkaow Pleumjit e Bundasak Jarasporn. Líbero - Pannoy Piyanut
Entraram - Guedpard Pornpun, Bamrungsuk Hattaya, Apinyapong Wilavan, Chaisri Tapaphaipun e Boonlert Tichaya
Técnico - Sriwacharamaytakul

Árbitros:

1º: Fabrice Collados (FRA)

2º:Philippe Schuermann (LIE)


Galeria de fotos:

http://www.volleymasters.ch/en/schedule/7873-thailand-brazil/post


MONTREUX VOLLEY MASTERS 2017 


TERÇA-FEIRA (06.06) - Brasil 3 x 1 Polônia (25/20, 21/25, 25/23 e 26/24)


QUARTA-FEIRA (07.06) - Brasil 2 x 3 Alemanha (17/25, 25/20, 22/25, 25/23 e 13/15)


SEXTA-FEIRA (09.06) - Brasil 3 x 1 Tailândia (25/16, 24/26, 25/17 e 25/14)

Fonte: CBV
Foto: Divulgação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...