quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

SUPERLIGA 2016/17: Vôlei Nestlé e Dentil/Praia duelam pela vice-liderança

Vôlei Nestlé e Dentil/Praia duelam pela vice-liderança da Superliga

Separados por apenas um ponto, os times se enfrentam nesta quinta-feira (23), às 19h30, no José Liberatti. Se vencer por 3 a 0 ou 3 a 1, a equipe de Osasco assume a segunda posição

Vôlei Nestlé e Dentil/Praia Clube disputam nesta quinta-feira (23) uma "decisão" pela vice-liderança da Superliga 2016/17. Separados por apenas um ponto na classificação, os clubes realizam um confronto direto no ginásio José Liberatti, às 19h30, local em que o time da casa está invicto na competição, com dez vitórias. Em caso de resultado positivo por 3 a 0 ou 3 a 1, a equipe de Osasco soma três pontos, ultrapassa o rival de Uberlândia e assume a vice-liderança com 45 pontos contra 43. Se o placar favorável for em cinco sets, o técnico Luizomar e suas comandadas permanecerão em terceiro, ambos com 44, mas com as mineiras levando vantagem nos critérios de desempate. 

Tandara acredita que as equipes chegam para esse enfrentamento em momentos similares. "Este será o jogo mais importante deste segundo turno, pois vai decidir a segunda posição. Eu, particularmente, me preparo da mesma maneira para todas as partidas, seja contra Pinheiros, Rexona e não será diferente em relação ao Praia. Espero fazer o meu melhor e estou confiante porque o time está treinando muito bem, mostrando interesse em crescer. Sinto a equipe querendo vencer e esse é um ponto fundamental. Os clubes chegam para esse confronto em situações semelhantes, já que perdemos para o Camponesa/Minas e elas foram derrotas pelo Rexona-Sesc na final do Sul-Americano. Será um duelo difícil e bem disputado, com os dois lados estudando bastante. Neste cenário a torcida poderá fazer a diferença e tenho certeza que comparecerá para dar aquele empurrão", destaca a ponteira. 

Para Bia, o embate diante do Dentil/Praia Clube será uma espécie de "final" em busca da vice-liderança. "É um jogo de definição, que precisamos encarar como se fosse uma final, já que vale a vice-liderança e vamos brigar pela melhor posição possível nesta fase de classificação. Não tem partida fácil nessa Superliga, mas pensando lá na frente, nos playoffs, a vitória neste confronto será muito importante. Sabemos do potencial do adversário, que tem atletas campeãs olímpicas e que seriam líderes em qualquer clube do mundo. Por isso, temos de entrar muito concentradas, pois a nossa vantagem será jogar em casa. É momento de reunirmos nossas forças e entrarmos ainda mais motivadas para que possamos vencê-las atuando ao lado de nossa torcida", afirma a central. 

Os clubes de Osasco e de Uberlândia se enfrentaram em 21 oportunidades na história da Superliga e a vantagem está ao lado de Luizomar e suas comandadas, com 18 vitórias e somente três derrotas, sendo todas como visitante. No primeiro turno da atual edição, o Dentil/Praia Clube conquistou o resultado positivo, em casa, por 3 sets a 2, parciais de 16/25, 25/22, 23/25, 25/21 e 17/15. O último encontro no José Liberatti foi no returno da temporada de 2015/16, com vitória do Vôlei Nestlé, por 3 a 1, séries fechadas em 25/11, 25/23, 14/25 e 25/12. 




Fonte: ZDL

Foto: João Pires/Fotojump
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...