sábado, 25 de fevereiro de 2017

SUL-AMERICANO DE CLUBES MASCULINO 2017: Montes Claros irá disputar o bronze

Montes Claros é derrotado na semi e irá disputar o bronze no Sul-Americano

O Montes Claros Vôlei (MG) foi superado pelo Bolívar (ARG) por 3 sets 2 (28/26, 25/21, 23/25, 24/26 e 15/10), na semifinal do Campeonato Sul-Americano masculino de clubes. A equipe mineira disputará o terceiro lugar contra o UPCN, da Argentina, que foi derrotado, na outra semifinal, pelo Sada Cruzeiro Vôlei (MG) por 3 a 0. A disputa do bronze será às 14h30 deste sábado, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros. A final, entre Sada Cruzeiro e Bolívar, começa às 17h30, com transmissão do SporTV.

O jogo

O desafio era grande e inédito para o time casa, que recebe e participa pela primeira vez de uma competição do porte do Sul-Americano. Em quadra, apoio total da torcida e um duelo contra a forte equipe argentina, campeã sul-americana em 2010. O set começou com um bom ace de Jonatas para o MOC, mas seguiu um grande equilíbrio entre as duas equipes nos pontos iniciais. Brasileiros e argentinos não tiveram medo de se arriscar no ataque. 

O Bolívar conseguiu passar à frente e se distanciar no placar, em quatro pontos, fazendo o técnico Marcelino gastar seus dois pedidos de tempo. Ajudou. O time se ajustou em quadra e passou a pressionar mais os argentinos. Do lado do Bolívar, o australiano Edgar e o brasileiro Piá se destacavam. No MOC, Luan seguia perigoso no ataque e puxando a torcida. Após 31 minutos, set para o time visitante, 26/28.

Jogando em casa, o Montes Claros seguiu com apoio total das arquibancadas no segundo set. Em decisão pela vaga à final, as duas equipes seguiam com ataque muito forte. No lado do MOC, o bloqueio apresentou certa dificuldade para conseguir marcar o ataque adversário. Novamente, Marcelinho fez uso dos dois tempos quando o placar ainda não havia chegado aos 20 pontos. O técnico do time norte-mineiro tentou algumas mudanças no elenco, em busca de melhorar o passe e marcação do time no bloqueio. Argentinos seguiam fortes e regulares no jogo. Novamente com Edgar, o Bolívar levou o set, 21/25.

Foto: Fredson Souza/MCV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...