sábado, 10 de dezembro de 2016

SUPERLIGA 2016/17: Em batalha de cinco sets, Dentil/Praia Clube supera Vôlei Nestlé

Em batalha de cinco sets, Dentil/Praia Clube supera Vôlei Nestlé 
O confronto foi realizado em Uberlândia e a equipe mandante marcou 3 sets a 2. O próximo jogo do time de Osasco será nesta terça-feira (13), às 21h30, diante do Rexona-Sesc

Uberlândia (MG) - O Vôlei Nestlé sabia que seria complicado enfrentar o Dentil/Praia Clube, em Uberlândia, e não conseguiu segurar o ímpeto das mandantes, na noite desta sexta-feira (9). O time de Osasco foi superado apenas no quinta set, depois de uma batalha de 2h30min, parciais de 16/25, 25/22, 23/25, 25/21e 17/15. A oposta Ellen foi eleita a melhor em quadra e recebeu o troféu VivaVôlei. Dani Lins e suas companheiras já pensam na próxima rodada, quando enfrentam o Rexona-Sesc, na terça-feira (13), às 21h30, no ginásio José Liberatti, novamente com transmissão do SporTV 

Tandara, um dos destaques da equipe, deixou a quadra um pouco chateada, mas elogiou a capacidade de reação do grupo. "Nosso time está de parabéns, pois fez um bom jogo e conseguiu reagir em vários momentos. A vitória escapou das nossas mãos por detalhes. Agora é se preparar ainda mais porque terça-feira temos um novo desafio diante do Rexona-Sesc", disse a ponteira. 

O técnico Luizomar lamentou alguns erros em momentos decisivos. "O jogo foi importante para o amadurecimento da equipe, formada por jogadoras experientes e algumas mais jovens. Infelizmente, tivemos erros não forçados em momentos importantes que nos custaram a derrota", afirmou o treinador. 

Após oito rodadas pela Superliga, o Vôlei Nestlé soma seis vitórias e duas derrotas. Dani Lins e suas companheiras estão com 19 pontos, na terceira posição. 

O jogo - Concentrado e com agressividade no saque (4 aces), o Vôlei Nestlé dominou a série. O bloqueio foi determinante (4 pontos no fundamento) e a equipe de Osasco não desperdiçou contra-ataques até definir em 25/16. Tandara foi o destaque com 6 pontos.

O segundo set ficou equilibrado até a metade. Dois erros do juiz, porém, deram vantagem ao Praia, que chegou a abrir 17/11. Para piorar, a ponteira Tandara torceu o pé ao cair sobre Walewska e deixou a quadra. Bom volume de jogo, saque agressivo e Bjelica decisiva nos ataques fizeram o Vôlei Nestlé voltar para o jogo: 20 a 20. Mas na fase final da parcial as mandantes erraram menos e fecharam por 25 a 22. Bjelica, que substiituiu Paula, marcou 6 pontos na série. 

A parcial mais equilibrada da partida. As duas equipes jogaram em alto nível, com poucos erros e o placar seguiu igual até o final, quando o maior controle do Vôlei Nestlé determinou a vitória em 25/23. Bia foi o destaque com 7 pontos, seguida da sérvia Bjelica, que marcou 5 pontos, incluindo aquele que definiu a série.

Mais uma série bastante disputada, com equilíbrio até quase ao final, quando o placar marcou 19/19. Neste momento, as visitantes se desconcentraram e permitiram que as donas da casa chegassem a 23/19 para, em seguida, fecharem em 25/21, empatando a partida.

Um tie-break de arrepiar. O Vôlei Nestlé tinha a vantagem de 9/7, mas permitiu a virada do Praia, que marcou cinco pontos seguidos e fez 12/9. As mandantes chegaram a 14/12, mas aí foi a vez das visitantes reagirem e empatarem em 14/14. Mas não adiantou: o Praia definiu o set decisivo logo depois em 17/15.

EQUIPES:

Vôlei Nestlé: Dani Lins, Paula, Tandara, Malesevic, Bia, Saraelen e a líbero Camila Brait. Entraram: Gabi, Carol Albuquerque, Bjelica e Clarisse. 
Técnico: Luizomar de Moura.

Dentil/Praia: Claudinha, Daymi Ramirez, Michelle, Ellen, Fabiana, Walewska e a líbero Tássia. 
Entraram: Jú Carrijo, Natasha e Malu. 
Técnico: Ricardo Picinin

Fonte/foto: ZDL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...