sexta-feira, 28 de outubro de 2016

SUPERLIGA FEMININA 2016/17: Genter/Vôlei Bauru vence Camponesa/Minas na estreia

Genter/Vôlei Bauru vence Camponesa/Minas na estreia da Superliga 2016/17

Na noite desta quinta-feira (27/10), no Ginásio Panela de Pressão, em Bauru, no interior de São Paulo, o time do técnico Paulo Coco foi superado pelo Genter/Vôlei Bauru por 3 a 1. As parciais do jogo foram 25/23, 25/21, 21/25 e 25/19. 

O jogo desta quinta-feira começou bem equilibrado. Por estrearem na competição, as duas equipes permaneceram nervosas a maior parte do primeiro set. O Camponesa/Minas começou um pouco melhor e chegou a abrir vantagem no início. Porém, as minastenistas cometeram alguns erros na recepção e falharam no ataque. Do outro lado, as donas da casa aproveitaram melhor as chances e abriram vantagem no jogo: 25 a 23.

O time minastenista começou o segundo set ainda nervoso. O técnico Pulo Coco pediu tempo e chamou a atenção de suas comandadas. A equipe até que melhorou, mas, do outro lado, um adversário mais tranquilo e sereno. Com mais eficiência na defesa e no ataque, as paulistas fizeram 25 a 21 e abriram 2 a 0 no jogo.

O terceiro set foi diferente. O Camponesa/Minas esboçou uma reação e esteve melhor em quadra. Mais eficiente no ataque e com a defesa errando menos, o time minastenista venceu o terceiro: 25 a 21. A reação do Minas durou pouco. No quarto set, a equipe pressionou o adversário, mas a recepção falhou novamente. O Bauru, empurrado pela torcida presente no Panela Pressão, fechou o jogo em 25 a 19 e conquistou a vitória por 3 sets a 1.

O jogo desta quinta-feira marcou a estreia da jovem minastenista Natália Monteiro em Superliga. A ponteira foi chamada como opção do técnico Paulo no primeiro set, para uma simples inversão. Com muita tranquilidade, Natália conquistou espaço e fez uma bela estreia, especialmente no terceiro set. Quem também merece destaque na partida foi a levantadora Karine Guerra, que entrou, no segundo set, no lugar de Naiane e distribuiu boas bolas para o ataque minastenista.

Para o técnico Marcos Kwiek, o saque bauruense foi fundamental para o bom resultado na noite desta quinta-feira. “O saque fez a diferença a nosso favor. Forçamos esse fundamento, chegamos a errar muito em alguns momentos do jogo, mas sabíamos que era um risco que tínhamos que correr. Só com o saque entrando bem poderíamos vencer e foi o que aconteceu.”

“Fizemos um bom jogo, mas oscilamos bastante em determinados momentos, e isso pode ser crucial em outras partidas. Temos que trabalhar e buscar corrigir esses erros, pois sabemos que temos muito a evoluir na competição”, acrescentou o treinador.

Destaque do confronto, a ponteira Thaisinha destacou os treinamentos da equipe. “Jogamos bem porque trouxemos para o jogo aquilo que vínhamos treinando. Terminamos o Paulista com uma derrota que nos abalou bastante, mas sabíamos que podíamos jogar mais que aquilo e foi isso que buscamos para essa estreia. Deu certo e agora é seguir trabalhando forte porque a competição é longa e bem difícil.”

A próxima partida do Genter Vôlei Bauru na Superliga é dia 04/11 (sexta-feira), às 19h30, contra o Dentil/Praia Clube, na cidade de Uberlândia.

Agora, na sexta-feira da próxima semana (4/11), o Camponesa/Minas volta à quadra e fará a sua estreia perto de sua torcida. A equipe recebe o São Cristóvão Saúde/São Caetano, às 20h, na Arena Minas Tênis 

EQUIPES:

Camponesa/Minas: Naiane, Pri Daroit, Carol Gattaz, Mara, Rosamaria, Domingas e a líbero Léia. 
Entraram: Natália Monteiro, Karine, Fran. 
Técnico: Paulo Coco.

Genter/Vôlei Bauru: Juma, Mariana, Dayse, Thaisinha, Angélica, Valquíria e a líbero Castillo. 
Entraram: Carol, Lyara, Bruna e Rivera. 
Técnico: Marcos Kwiek.

Fontes: Minas Tênis Clube e Vôlei Bauru
Foto: Marina Beppu – Geter/Vôlei Bauru
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...