sábado, 22 de outubro de 2016

MUNDIAL DE CLUBES DE VÔLEI MASCULINO 2016: Sada Cruzeiro encara o Argentino Bolívar na semifinal do Mundial de Clubes

Sada Cruzeiro encara o Argentino Bolívar na semifinal do Mundial de Clubes

Time estrelado busca o tricampeonato mundial 

O Sada Cruzeiro conheceu na noite desta sexta-feira, 21/10, o adversário que vai enfrentar na semifinal do Campeonato Mundial de Clubes. Será o argentino Personal Bolívar, que ficou em segundo lugar no grupo B. E os dois times entram em quadra neste sábado, 22, às 18h, valendo uma vaga na decisão do torneio, no Ginásio Divino Braga, em Betim. Os cruzeirenses, invictos e líderes da chave A, seguem firmes na luta pelo tricampeonato, depois de terem conquistado o troféu máximo nas edições de 2013 e 2015, no Brasil, além da prata em 2012, em Doha, no Catar.

E quem esteve no Divino Braga na noite desta sexta-feira, mesmo com seu time folgando, foi o técnico do Sada Cruzeiro Marcelo Mendez, que acompanhou a última partida do dia, entre os italianos e os argentinos do UPCN.Na primeira semifinal deste sábado, às 15h, se enfrentam outras duas potências do vôlei entre clubes: o russo Zenit Kazan, vice do ano passado, e o italiano Diatec Trentino, primeiro lugar do grupo B e quatro vezes campeão Mundial.

“É preciso estudar. Tanto os argentinos quanto os italianos fazem uma estratégia de jogo muito bem feita, com características diferentes. Vamos ver os últimos detalhes para acertar algumas coisas do nosso time. Sabemos que o jogo contra o Bolívar vai ser um duelo muito difícil, de alto nível. Em uma semifinal erros não são permitidos. Creio que o nosso grupo está preparado. Temos que manter nosso saque funcionando e também o nosso side-out”, avaliou o técnico.

O central Isac destacou a diferença de estilos entre o último adversário, o time russo, e o oponente argentino da semi. “Queremos repetir a atuação do último jogo. Mas sabemos que vai ser um jogo diferente. Jogamos a última partida contra uma equipe russa, onde a força, altura, e a potência no saque e ataque são muito fortes, e agora vamos enfrentar uma equipe da escola argentina, de mais defesa. E vamos ter que nos adaptar. Deixar o que passou para trás e pensar no próximo jogo, contra o Bolívar, e em fazer as nossas ações muito bem. A expectativa é que o nosso time saiba jogar esse tipo de jogo. O que ajuda também nessa hora é a garra e determinação, além da torcida, que dá um calor e acaba motivando também a gente dentro de quadra”, disse Isac.

Para o líbero Serginho, o duelo deste sábado já é uma final. “Os times argentinos são muito duros de encarar. Temos que estudar, descansar, e amanhã é a nossa primeira final, é decisão, vale tudo para nós para termos essa chance de jogar mais uma final”, reforçou o defensor.

No primeiro jogo do dia nesta sexta-feira, no Divino Braga, o argentino Bolívar bateu o Minas por 3 a 1, com parciais de 18/25, 25/19, 25/19 e 25/22. E em seguida o Zenit Kazan bateu o Taichung Bank por 3 sets a 0, confirmando a segunda vaga do grupo A, com 25/22, 25/16 e 25/17.

Ingressos

Os ingressos para todos os jogos do Mundial de Clubes estão à venda pela internet, no site mundialdevolei.com.br. Também estão disponíveis 10 pontos de venda física, em Belo Horizonte, Betim e outras cidades, além da bilheteria do ginásio, na entrada do evento. O valor da entrada varia de R$ 20 a R$ 40, enquanto o passaporte para todos os dias do torneio custa R$ 120

Fonte: Divulgação Sada Cruzeiro
Foto: Agência i7
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...