sábado, 1 de outubro de 2016

CAMPEONATO PAULISTA FEMININO DE VÔLEI 2016:Concilig vence Sesi-Sp e abre vantagem no playoff quartas de final do Paulista

Concilig vence Sesi-Sp e abre vantagem no playoff quartas de final do Paulista

O Concilig Vôlei Bauru abriu o playoff quartas de final do Campeonato Paulista com vitória por 3 sets a 1 sobre o SESI-SP, com parciais de 25x22, 25x23, 22x25 e 25x19, em 1h50 de partida disputada no ginásio Panela de Pressão. Com esse resultado, a equipe bauruense precisa de uma vitória simples no segundo jogo da série para se classificar para a semifinal da competição. Caso o SESI-SP vença o segundo jogo, será disputado o Golden Set, em 25 pontos, logo após o fim da partida da próxima quarta-feira, em Santo André.

A partida desta noite marcou a estreia das dominicanas Brenda Castillo e Prisilla Rivera, além do retorno do técnico Marcos Kwiek ao comando do Concilig. As principais pontuadoras bauruenses no confronto foram a oposta Bruna Honório e a ponteira Thaisinha, ambas com 16 pontos. Pelo SESI-SP, o principal estaque foi a oposta Lorene, que anotou 24 pontos.

Estreante da noite, a ponteira Rivera se mostrou satisfeita com desempenho da equipe. “Apesar de ter jogado pouco, acredito que pude ajudar minhas companheiras e contribuir de alguma forma para o bom resultado do nosso time.”

A oposta Bruna Honório destacou a reação bauruense após perder um set na partida. “Foi como esperávamos, um jogo complicado e bem difícil. Nossa equipe soube se portar bem em quadra, mesmo após perder o terceiro set e ficar atrás no quarto. Mais uma vez mostramos um bom poder de reação.”

“Ganhar é sempre bom, ainda melhor é ver a maturidade da nossa equipe e saber que ainda temos muito pra evoluir. Estamos melhorando jogo a jogo e crescendo na hora decisiva. Agora é descansar, pois o tempo é curto para o próximo jogo, e nos prepararmos para um possível confronto de seis sets, caso precisemos do Golden Set para nos classificarmos”, analisou o técnico Marcos Kwiek.

O Concilig Vôlei Bauru começou a partida com a levantadora Juma, as centrais Angélica e Valquiria, as ponteiras Thaisinha e Mari Cassemiro, a oposta Bruna Honório e a líbero Brenda Castillo. Também jogaram a levantadora Lyara e as ponteiras Carol Westermann e Rivera. O SESI-SP começou com a levantadora Giovana, as centrais Ju Melo e Linda Jéssica, as ponteiras Amabile e Isabela, a oposta Lorene e a líbero Laís. Jogaram ainda a levantadora Lais e as ponteiras Natália e Gabriela.

O segundo confronto entre as duas equipes pelo playoff quartas de final do Campeonato Paulista acontece na próxima quarta-feira, dia 5, às 19h, no SESI Santo André.

O JOGO

Como já era esperado em uma partida de playoff, o jogo começou equilibrado, com as duas equipes trocando bolas e sem abrir muito no placar. Primeiro tempo técnico marcou 8x6 para o Concilig. Bauru voltou melhor da parada e conseguiu abrir 4 de frente (11x7), forçando o técnico Juba, do SESI, pedir tempo. As visitantes reagiram, diminuíram a diferença (13x11), mas Bauru seguiu na frente no segundo tempo técnico (16x13). O SESI passou a errar menos, chegou a empatar o set (22x22), mas as donas da casa forçaram o saque no final e fecharam em 25x22, em 28 minutos, com um ataque da ponteira Mari Cassemiro.

O segundo set começou com as duas equipes aproveitando os ataques e com o saque forçado. Bauru chegou a abrir 3x1, mas o SESI encostou e a primeira parcial foi de 8x7 para a equipe da casa. As visitantes voltaram melhor da parada e tiveram nos contra-ataques a arma para virar o placar no décimo ponto (8x10). Vantagem que aumentou no segundo tempo técnico (11x16). Com a levantadora Lyara no saque e a ponteira Rivera em quadra, Bauru chegou ao empate (16x16) e o SESI parou a partida. O Concilig seguiu melhor, virou em 18x17, mas o SESI novamente foi buscar (19x21). Emoção até o final do set, fechado novamente por Bauru em 25x23, em 29 minutos, após erro do SESI.

Precisando vencer para seguir na partida, o SESI veio melhor para o terceiro set e logo abriu 2 pontos de frente (0x2). Mas Bauru acordou rápido e buscou o placar, virando em 6x4. A primeira parcial foi da equipe da casa em 8x5. Com bons saques da central Linda Jéssica, o SESI chegou ao empate no décimo-segundo ponto, forçando o técnico Marcos Kwiek pedir tempo. A conversa deu resultado e Bauru reassumiu o placar na segunda parada obrigatória (16x14). Muito equilíbrio na reta final do set, com o SESI contando com os erros bauruenses para virar o placar (21x23) e fechar o set em 22x25, em 25 minutos.

O SESI veio melhor para o quarto set, abrindo 0x2. Mas os saques de Bruna Honório quebraram a recepção das adversárias e a equipe da casa virou em 4x2. Juba pediu tempo e o SESI empatou (4x4). Placar apertado até o tempo técnico, que marcou 8x7 para Bauru. Se aproveitando dos erros de Bauru, o SESI virou em 9x10. Melhor em quadra, as visitantes permaneceram à frente na segunda parada obrigatória (13x16), mas Bauru passou a errar menos e virou no décimo-nono ponto (19x18). Mari Cassemiro entrou no saque e contou com o bloqueio e contra-ataques bauruenses para fechar o set em 25x19, em 26 minutos, e a partida em 3 sets a 1.

Fonte: Fábio Barbosa - Assessoria Vôlei Bauru
Foto: Marina Beppu
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...