terça-feira, 11 de outubro de 2016

CAMPEONATO PAULISTA DE VÔLEI FEMININO 2016: De virada, Concilig Vôlei Bauru vence Pinheiros e abre vantagem no playoff

De virada, Concilig Vôlei Bauru vence Pinheiros e abre vantagem no playoff Paulista 2016

De virada, e com muita emoção, o Concilig Vôlei Bauru venceu o Pinheiros por 3 sets a 1, com parciais de 21x25, 25x21, 25x15 e 25x21, e abriu vantagem no playoff semifinal do Campeonato Paulista. A partida disputada no ginásio Panela de Pressão teve quase duas horas de duração.

Com esse resultado, o Concilig precisa de uma vitória simples sobre a equipe da capital no segundo confronto para chegar pela primeira vez à decisão do principal estadual do país. Caso o Pinheiros vença o segundo jogo por qualquer placar, será disputado o Golden Set, em 25 pontos, logo após o fim da partida. Na outra semifinal, o Vôlei Nestlé/Osasco passou pelo São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 sets a 0 e também tem vantagem na série.

Na partida do ginásio Panela de Pressão, destaque para a ponteira Thaisinha, do Concilig, que anotou 24 pontos. A oposta Bruna Honório também se destacou, com 18 pontos. Pela equipe visitante, Bárbara foi a maior pontuadora, com 19 acertos.

Para o técnico Marcos Kwiek, o time soube se portar diante de um adversário tão difícil. “É uma semifinal de campeonato, em que o emocional conta muito, e nossa equipe soube suportar a pressão durante todo o jogo e se impor quando era necessário. Não fizemos uma excelente partida, mas soubemos jogar o que pede uma semifinal de campeonato paulista e por isso saímos com a vitória hoje.”

“Nosso time vem treinando muito forte e o resultado de hoje é fruto disso. Poderíamos até ter saído com a derrota, mas não seria fácil, assim como não foi fácil a vitória. Temos um grupo muito unido, em que todas se ajudam, e isso reflete no jogo dentro de quadra. É um time que cresce jogo após jogo”, destacou a oposta Bruna Honório.

O segundo jogo da semifinal entre Concilig Vôlei Bauru e Pinheiros será na próxima sexta-feira, dia 14, novamente às 21h30, no ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo, com transmissão do canal SporTV.

O JOGO

Bauru começou bem, com a levantadora Juma abrindo o placar com um ace, e chegando a abrir dois de frente com bons contra-ataques. Mas o Pinheiros reagiu rápido, chegou ao empate no quarto ponto, e assumiu o placar no primeiro tempo técnico (7x8). O Concilig voltou errando mais, dando chances para as visitantes abrirem 9x13 no placar e forçando o técnico Marcos Kwiek parar a partida. A conversa, além da entrada da levantadora Lyara e da oposta Bruna, fizeram bem ao Concilig, que encostou no marcador (12x14), mas seguiu atrás no segundo tempo técnico (14x16). Melhor em quadra, o Pinheiros se manteve à frente e fechou o set em 21x25, em 29 minutos.

Com o bloqueio funcionando, e sabendo aproveitar os contra-ataques, Bauru começou melhor o segundo set e chegou ao tempo técnico com boa vantagem (8x4). Com o saque quebrando a recepção das adversárias, o Concilig abriu 12x7 e o técnico Paulinho, do Pinheiros, pediu tempo. A pausa deu resultado e as visitantes reagiram, encostando no marcador (12x10). Dessa vez foi o técnico bauruense que parou o jogo. Muito equilíbrio até a segunda parada obrigatória, com Bauru em pequena vantagem (16x15). O Pinheiros virou logo na volta (16x17), mas as donas da casa logo buscaram novamente (19x17). Aproveitando as viradas de bola, o Concilig fechou o set em 25x21, em 29 minutos.

Bauru veio com tudo para o terceiro e se aproveitou dos erros do Pinheiros para abrir 8x2 no primeiro tempo técnico, mesmo com o técnico visitante parando o jogo por duas vezes. A conversa enfim surtiu efeito e o Pinheiros voltou para o jogo, diminuindo a vantagem para apenas dois pontos (12x10). Bauru se reencontrou no jogo, abriu novamente na segunda parada (16x12), e se aproveitou dos erros de recepção das visitantes para fechar o set em 25x15, em 26 minutos.

Muito equilíbrio no início do quarto período, com as duas equipes virando seus ataques, sem abrir muito no placar. O primeiro tempo técnico marcou 8x7 para Bauru. As visitantes voltaram errando mais e deram chance para Bauru abrir boa vantagem pela primeira vez no set (11x7). O técnico Paulinho parou o jogo. Deu certo. O Pinheiros melhorou em quadra e virou o placar em 12x13. Desta vez foi o técnico bauruense que pediu tempo. Segunda parcial foi 16x15 para Bauru. Melhor na partida, o Concilig chegou a abrir 23x19, viu o Pinheiros encostar novamente (23x21), mas teve calma para fechar em 25x21, em 30 minutos, e a partida em 3 sets a 1.

EQUIPES:

Concilig Vôlei Bauru: Juma, Valquiria, Angélica, Thaisinha, Mari Cassemiro, Dayse e a líbero Castillo. 
Entraram: Lyara, Carol Westermann e Bruna Honório. 

Pinheiros: Ananda, Mimi Sosa, Milka, Maira, Vanessa, Bárbara e a líbero Jú Paes. 
Entraram: Bruninha, Adriani, Jú Nogueira e Tânia.

Fonte: Assessoria Vôlei Bauru
Foto: Marina Beppu
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...