segunda-feira, 1 de agosto de 2016

TEMPORADA 2016/17: Paula Pequeno começa os treinos no BRB/Brasília Vôlei

Paula Pequeno começa os treinos no BRB/Brasília Vôlei
A bicampeã olímpica também estará na Olimpíada como comentarista

Enquanto o técnico Anderson Rodrigues trabalha duro junto à seleção brasileira masculina na busca do tricampeonato olímpico, o elenco do BRB/Brasília Vôlei enfim se completou na tarde desta segunda-feira (1). A única atleta que ainda não estava incorporada, a ponteira Paula Pequeno, se apresentou oficialmente e participou do trabalho fisico na academia e depois do treino na quadra do ginásio do SESI comandado por Sérgio Negrão.

“Já estava morrendo de saudades de voltar a treinar e à rotina. Foi delicioso estar aqui novamente com as meninas, com esse recomeço de trabalho, de objetivos e metas e é muito motivador. Para mim, nada melhor do que trabalhar”, afirma Paula Pequeno.

Paula na Olimpíada

Apesar de ter se apresentado, a ponteira treinará por pouco tempo no BRB/Brasília Vôlei. Ela viajará ao Rio de Janeiro e se ausentará dos treinamentos (do dia 5 ao dia 9 e de 18 a 22) por conta das Olimpíadas. Paula terá uma novidade em seu currículo: comentará os Jogos Olímpicos no canal Esporte Interativo.

“Nada mal começar com uma Olimpíada, né?! Vou estar por lá vivendo esse novo desafio e acho que será muito bacana”, conta.

Para não perder o preparo físico, ela terá de dividir as atenções dos Jogos com os exercícios. “Foi uma das condições que coloquei para participar. O EI disponibilizará uma academia para que eu possa treinar a parte física perto de onde irei me hospedar e fazendo a parte física sem a bola, corro menos riscos de lesões e é a chance que tenho para me fortalecer ainda mais para fazer uma temporada ainda melhor”, explica.

Vôlei tricampeão olímpico?

Sobre os favoritos ao ouro olímpico nas categorias masculino e feminino, Paula analisa. “O que podemos esperar é que as seleções possam fazer o que sabem. Se eles conseguirem desempenhar o papel que sabem fazer, fica difícil para qualquer adversário. Apesar das outras equipes estarem extremamente fortes, só temos que manter o pé no chão e jogar jogo por jogo porque Olimpíada é matar um leão por dia”, conclui.

Fonte e Foto: Divulgação Brasília Vôlei
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...