terça-feira, 3 de maio de 2016

VÔLEI INTERNACIONAL: Carlos Schwanke revoluciona vôlei árabe e conquista títulos

Carlos Schwanke revoluciona vôlei árabe e conquista títulos
Brasileiro foi campeão de quatro competições em seu primeiro ano no Bahrain 

Carlos Schwanke é movido a desafios. Após uma passagem vitoriosa pelo Florianópolis, o técnico se aventurou na Suíça, onde foi campeão nacional pelo Amrsvill. Depois, comandou o Al Hilal, da Arábia Saudita, onde também colecionou títulos. Nesta temporada, transferiu-se para o Dar Kulaib, pelo qual faturou a Liga do Bahrain na semana passada. Foi sua quarta conquista em quatro competições disputadas. Mais do que os novos feitos acrescentados ao vitorioso currículo, Schwanke liderou uma revolução no jeito de praticar voleibol.

“Para este resultados que alcançamos, foi determinante a compra de uma ideologia diferente. Acreditaram primeiramente no meu trabalho e, aos poucos, os jogadores compraram a ideia que bastante trabalho e empenho, em todos os treinamentos, seriam importantes durante toda a temporda. No início, foi um pouco complicado para eles, pois acrescentei mais velocidade e opções de jogo na distribuição do levantador. Mas, com o trabalho diário, aos poucos os resultados durante a partida foram aparecendo e a performance da equipe melhorou”, explica o brasileiro.

Schwanke assumiu o comando do Dar Kulaib ciente de que o maior desafio da temporada era a conquista da Liga do Bahrain, título que a equipe ainda não tinha. Para quebrar as barreiras, o treinador trabalhou também a mente do elenco. Tudo que ele não queria era que a pressão por um resultado inédito pesasse sobre os jogadores e, por consequência, impactasse no rendimento do grupo. E a estratégia deu muito certo. De jogo em jogo, o Dar Kulaib se aproximou da taça de 2015/16. E ela foi levantada na última semana, na vitória em 3 a 1 sobre o Al Nasser, na grande final.

“O técnico é um vendedor de ideias e sonhos. A equipe comprou e desempenhou dentro de quadra. A mentalidade de nunca ter ganhado tinha que ser mudada e quebramos isso a cada jogo, desempenhando nosso melhor. No último jogo, o decisivo da final, foi exatamente o que eu pedi a eles, para somente jogar o melhor que podiam sem ter a pressão de ser campeões, que isso aconteceria naturalmente. Foi gratificante saber que fui o primeiro técnico que, junto com a equipe, conquistou a Liga. É um trabalho em conjunto que leva um time a ser campeão.”

E um novo título poderá ser comemorado nos próximos dias. Schwanke lidera o Dar Kulaib na Copa, competição em que já estão nas semifinais. No caminho da nova conquista, mais duas partidas para fechar a temporada 2015/16 com 100% de aproveitamento.

“Tento fazer o melhor que posso com muita alegria e satisfação. Meu melhor remédio para conseguir dormir bem é deitar a cabeça no travesseiro, sabendo que dei tudo de mim para eles crescerem como atletas. A cultura de cada país é diferente e saber lidar com estes atletas é fundamental. Árabes têm estilo de vida diferente e tenho que saber controlar dentro do programa de treinamento. Dedicação e entrega ao seu trabalho sempre trazem frutos, pode demorar, mas eles vêm. Esta temporada foi perfeita em termos de resultado. Quero terminá-la da melhor forma possível.”

Fonte: DM7
Foto: Divulgação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...