domingo, 24 de abril de 2016

VÔLEI DE PRAIA: Larissa/Talita comemora em dose dupla e fica com ouro da etapa de Fortaleza

Larissa/Talita comemora em dose dupla e fica com ouro da etapa de Fortaleza

Larissa e Talita dominaram a temporada 2015/2016 do Circuito Brasileiro de ponta a ponta. E confirmaram o bom desempenho neste domingo (24.04), ao superarem Duda e Elize Maia (SE/ES) por 2 sets a 0 (21/18, 26/24) na final da etapa de Fortaleza (CE), jogando ‘em casa’ na arena montada na Praia do Futuro. A medalha de bronze ficou com Rachel/Ângela, que superaram Lili/Rebecca por 2 sets a 0 (21/10, 22/20).

Representantes do Brasil nos Jogos Olímpicos de 2016, Larissa e Talita já haviam garantido o título da temporada no primeiro dia do torneio, já que não poderiam ser alcançadas matematicamente. Este é o sétimo pódio do time em oito etapas - elas não atuaram em Natal - com cinco ouros (Brasília, Contagem, Curitiba, Niterói e Fortaleza) e duas pratas (Goiânia e Bauru). Elas terminam com 2720 pontos no ranking geral.

Duda e Elize Maia levam a quinta medalha nesta edição do circuito. Somam um ouro (Goiânia), uma prata (Fortaleza) e três bronzes (Bauru, Curitiba e Niterói). Confirmam também o vice-campeonato geral, terminando com 2280 pontos. Rachel e Ângela sobem ao pódio pela primeira vez na temporada com a medalha de bronze deste domingo.

Apesar de ser nascida em Cachoeiro de Itapemirim, Larissa comemora vencer ‘em casa’, como ela diz. Morando em Fortaleza há mais de uma década, o sentimento é mais especial.

"Comemoramos cada título como algo único. Só nós sabemos o que existe por traz, tanto trabalho, dedicação, abdicação, esforço. E ganhar dentro de casa é ótimo, porque aqui (Fortaleza) é minha casa também. Estar perto da família, pessoas que me viram começar no vôlei, tem um caráter especial", comemorou Larissa.
Talita também elogiou sua nova casa - mora em Fortaleza desde 2014 - e destacou a valorização do ouro pela boa atuação de Duda e Elize Maia.

"Bacana acolhi fortaleza como minha casa, fui tão bem recebida pelo povo daqui, um povo apaixonado por voleibol. Onde ando as pessoas perguntam, falam, torna a adaptação mais fácil. E um jogo difícil sempre valoriza a vitória, exige o máximo. Fica uma disputa boa, elas chegaram a ter o ponto do set, mas tivemos paciência para confirmar o ouro", disse.

O Jogo
A partida começou com Larissa e Talita abrindo vantagem de 5 a 2 no placar. Os times tentavam se adaptar ao forte vento. As atuais campeãs brasileiras mantiveram a concentração e foram mantendo durante a maior parte do tempo uma vantagem de três pontos. Duda e Elize chegaram a encostar com 11 a 13, mas não foi suficiente para a virada: 21 a 18 no set inicial da decisão em Fortaleza.

O segundo set foi o mais emocionante. Larissa e Talita abriram vantagem de cinco pontos, mas aces de Elize Maia e boas jogadas de Duda reduziram a desvantagem para 16 a 15, em cinco pontos seguidos da dupla. Na reta final, a sergipana e a capixaba salvaram três match points seguidos. Os times passaram a alternar pontos. Pressão dos dois lados, mas, no final, vitória de Larissa e Talita, que conseguiram controlar o nervosismo, fechando em 26 a 24.

Cada dupla campeã de uma etapa do Open soma 400 pontos no ranking da temporada, além de levar para casa um prêmio de R$ 45 mil. Todas as equipes são premiadas, e somando os dois naipes, o torneio distribui mais de R$ 420 mil aos atletas.

Após a etapa cearense, o calendário nacional segue para João Pessoa (PB), onde será realizado o Superpraia, torneio que reúne as quatorze melhores duplas da temporada, além de dois times convidados. Os jogos ocorrem de 6 a 8 de maio, com entrada franca à torcida.

Fonte/foto: CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...