quinta-feira, 24 de março de 2016

VÔLEI DE PRAIA: Duplas do Brasil buscam medalhas e a liderança na etapa da Colômbia

Duplas de Vôlei de Praia do Brasil buscam medalhas e a liderança na etapa da Colômbia

O Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia 2015/2016 chega neste final de semana a sua quarta etapa, e as duplas brasileiras querem fazer bonito na cidade de Cartagena, na Colômbia. O país terá quatro representantes, dois em cada naipe: Bruno/Hevaldo e Jonas/Matheus no masculino, além de Tainá/Andressa e Val/Josi no feminino.

As partidas começam nesta sexta-feira (25.03), quando 24 jogos da primeira fase serão disputados ao longo do dia na Praia de Bocagrande. No sábado (26.03) ocorre a última rodada da fase de grupos, além das quartas de final. O domingo (27.03) fica reservado para as semifinais e disputas de medalha de ouro e bronze.

E o Brasil chega embalado, já que conquistou a dobradinha na etapa passada, no Peru. Oscar/André Stein ficaram com o ouro, enquanto a decisão no feminino foi toda verde e amarela, com ouro para Val/Josi e prata para Hege e Verena.

Após três etapas realizadas, o Brasil lidera o ranking feminino com 500 pontos, seguido pela Venezuela, que tem 420. No naipe masculino a liderança provisória é da Argentina, que possui 480 pontos, com o Brasil logo atrás, com 440.

Além de resultados, a Confederação Brasileira de Voleibol também busca a renovação e oportunidade aos novos atletas. Por isso, para a temporada 2016, uma dupla em cada naipe nas etapas do torneio continental é formada por atletas da categoria sub-23, ou seja, nascidos em ou após 1º de janeiro de 1994. As outras vagas pertencem as duplas masculina e feminina mais bem classificadas no Ranking de Entradas do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia.

O ranking é feito apenas para os países, contando apenas a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada etapa. Os campeões de cada torneio somam 200 pontos, o vice, 180, o terceiro colocado, 160, e reduzindo 20 pontos em cada posição seguinte.

O torneio em Cartagena terá 32 times (16 em cada naipe) e distribuirá 1 mil dólares aos campeões, 700 dólares aos vice-campeões e 600 dólares aos terceiros colocados. Por ser sede, a Colômbia será o país com mais representantes (cinco duplas em cada naipe). Outros oito países estão inscritos: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Equador, Paraguai, Uruguai e Venezuela.

Fonte/foto: CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...