sábado, 13 de fevereiro de 2016

SUPERLIGA FEMININA 2015/16: Rexona-AdeS vence o Dentil/Praia Clube e dispara na liderança da Superliga

Rexona-AdeS vence o Dentil/Praia Clube e dispara na liderança da Superliga  
O Rexona-AdeS conquistou boa vitória e disparou na liderança, com 51 pontos

Dentil/Praia Clube (MG) e Rexona-AdeS (RJ) protagonizaram a final da Copa Banco do Brasil há 13 dias e voltaram a se enfrentar na noite desta sexta-feira (12.02), pela oitava rodada do returno da Superliga feminina de vôlei 15/16. Diferente do jogo anterior, quando o time carioca venceu por 3 sets a 0, desta vez houve um equilíbrio maior, mas a equipe dirigida pelo técnico Bernardinho conquistou novamente o resultado positivo: 3 a 1 (28/26, 24/26, 25/14 e 25/20), em 2h19 de partida disputada no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG).

A ponteira Natália foi a jogadora mais votada no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e recebeu o Troféu VivaVôlei, de melhor jogadora da partida. Já premiada, a atacante falou sobre o importante resultado positivo do seu time, especialmente depois de ter ficado de fora da partida passada, contra o Pinheiros/Klar (SP).

“Tive uma dor muscular e essas dores são perigosas. Então, fui poupada no jogo contra o Pinheiros e, depois, tivemos uns dias de folga no Carnaval. Deu para descansar para voltar bem para esse jogo contra o Praia. O nosso time ainda tem o que melhorar, não podemos vacilar em alguns momentos e temos que trabalhar muito para melhorar porque daqui para frente só vai ficar ainda mais difícil. De qualquer forma, os três pontos foram importantes e todo o grupo esta de parabéns”, disse Natália.

Após o primeiro resultado negativo do Dentil/Praia Clube em casa, a levantadora Claudinha lamentou a perda de paciência em alguns momentos.

“Hoje fizemos um jogo melhor do que nas outras partidas em que enfrentamos o time do Rexona-AdeS, mas acho que o nosso grupo perdeu a paciência em alguns momentos. Jogar contra elas é difícil. Em algumas passagens, estamos nos perdendo mesmo com o jogo estando bom para o nosso lado. Agora temos que ter a cabeça no lugar e treinar ainda mais porque tem muita Superliga pela frente”, destacou Claudinha.

Na nona rodada do returno, o Dentil/Praia Clube enfrentará o Concilig/Vôlei Bauru (SP), na casa do adversário, na próxima quarta-feira (17.02). O Rexona-AdeS volta à quadra para jogar um dia antes, na terça (16.02), contra outro time mineiro, o Camponesa/Minas (MG), também diante da torcida adversária. Essa partida terá transmissão ao vivo do canal SporTV.

O JOGO

A central Walewska abriu o placar do jogo no ponto de bloqueio para o Dentil/Praia Clube. O Rexona-AdeS assumiu o comando do placar com erro de saque do adversário e no bloqueio de Natália. Com Walewska inspirada, especialmente no bloqueio, o Praia fez 6/3 e forçou Bernardinho a pedir tempo. O time da casa ainda fez 9/6. No ace de Carol, o Rexona-AdeS encostou em 15/14 e, com Gabi, deixou tudo igual. Na sequência, com bons saques de Malu, a equipe da casa fez 18/15. Na bola de segunda de Claudinha, o Dentil/Praia Clube fez 20/17. No erro do adversário, o Rexona-AdeS chegou ao empate em 20 pontos. Foi a vez de Picinin pedir tempo. A reta final do set foi bem disputada. As equipes estiveram empatadas em 22/22.

Assim como no primeiro set, o Dentil/Praia Clube saiu na frente e fez 5/2. O Rexona-AdeS diminuiu a vantagem do adversário e encostou em 6/5. No ace de Monique, a equipe carioca deixou tudo igual em Uberlândia: 7/7. Contando com erros do time da casa, o time dirigido pelo técnico Bernardinho fez 12/10. Em boa passagem de Ju Carrijo pelo saque, o Dentil/Praia Clube assumiu o comando do placar (19/17). No bloqueio de Natasha, o time da casa fez 21/18. O time do Rio de Janeiro não desistiu do jogo e, com bloqueio de Carol, empatou em 22/22. No final, com Walewska, o Dentil/Praia Clube fechou em 26/24.

O Rexona-AdeS começou melhor no terceiro set e abriu 5/1. Neste momento, o técnico da casa pediu tempo. O time visitante seguiu melhor e colocou cinco pontos de vantagem em 9/4. O Dentil/Praia Clube melhorou e buscou o jogo, se aproximando no placar em 9/7. Quando a diferença voltou a aumentar a favor do time do Rio de Janeiro (13/8), Picinin pediu tempo. O placar ainda foi a 16/8 para o Rexona-AdeS. Diferente das parciais anteriores, o Rexona-AdeS teve tranquilidade para chegar a 23/14 e, depois, fechar em 25/14.

O quarto set teve um início mais equilibrado, com o Dentil/Praia Clube em vantagem de apenas um ponto (4/3). O Rexona-AdeS, então, passou a pontuar mais e abriu vantagem de 8/5. Após boa reação do adversário, que reduziu a desvantagem para 10/8, o time carioca pediu tempo. Mas, a equipe dirigida pelo técnico Bernardinho voltou a pontuar e, com Juciely, fez 18/15. O set voltou a ficar equilibrado em 19/17. O Rexona-AdeS, então, abriu bem em 23/18. E, no final, a equipe carioca venceu por 25/20.

EQUIPES

DENTIL/PRAIA CLUBE – Claudinha, Malu, Natasha, Walewska, Michelle e Alix. Líbero – Tássia 
Entraram – Pri Daroit, Ju Carrijo, Edneia
Técnico: Ricardo Picinin

REXONA-ADES – Court, Monique, Juciely, Carol, Gabi e Natália. Líbero – Fabi
Entraram – Lorenne, Roberta, Drussyla
Técnico: Bernardinho

Fonte: Divulgação CBV
Foto:Alexandre Arruda/CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...