sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

SUPERLIGA FEMININA 2015/16: Líder, Rexona-AdeS vence o Sesi-SP por 3 sets a 0

Líder, Rexona-AdeS vence o Sesi-SP por 3 sets a 0
Confronto entre Sesi-SP e Rexona-AdeS terminou melhor para o time visitante

A fase classificatória da Superliga feminina de vôlei 2015/2016 está chegando ao fim e, nesta décima e penúltima rodada do returno, o líder Rexona-AdeS (RJ) conseguiu mais uma vitória. A equipe carioca levou a melhor sobre o Sesi-SP, na noite desta sexta-feira (19.02), por 3 sets a 0, com parciais de 25/21, 25/17 e 25/17, em 1h37 de partida disputada no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo (SP).

A oposto do Rexona-AdeS, Monique, foi um dos principais destaques da partida. A atacante foi a mais votada no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e, por isso, recebeu o Troféu VivaVôlei, e ainda foi a maior pontuadora do confronto, com 18 acertos. Após o jogo, Monique comentou o desempenho do seu time.

“Estamos em uma crescente, buscando o padrão a cada jogo e isso é importante para chegarmos bem na fase final. O bloqueio é um fundamento que estou tentando melhorar a cada treino, a comissão técnica tem me ajudado bastante e estou feliz por estar conseguindo colocar isso em prática no jogo”, disse a oposto, que foi bem neste fundamento.

No Sesi-SP, a central e capitã Fabiana aposta na força do time e demonstra confiança no grupo agora dirigido pelo técnico Giuliano Ribas, o Juba, desde a saída de Talmo de Oliveira.

“Estamos tentando buscar sempre o nosso melhor. Precisamos mudar a nossa postura dentro de quadra, temos que retomar o prazer de jogar e acredito muito na nossa equipe. Na hora que conseguirmos achar esse nosso melhor jogo, vamos ter condição de brigar de igual para igual com qualquer equipe. Sabemos do nosso potencial”, afirmou Fabiana.

Agora, a Superliga feminina dá uma pausa para a disputa do Campeonato Sul-Americano de Clubes feminino, onde o Rexona-AdeS será o representante brasileiro. A competição será de 24 a 28 de fevereiro, em Buenos Aires, na Argentina.

O JOGO

O set começou com equilíbrio, com pequena vantagem para o Sesi-SP por 4/3. O jogo seguiu igual. No erro do time da casa, o Rexona-AdeS assumiu o comando do placar (7/6). A equipe carioca abriu três de vantagem em 11/8 e o técnico Juba pediu tempo. Logo depois, bem no saque, o Sesi-SP encostou em 13/12 e foi a vez de Bernardinho parar o jogo. O Rexona-AdeS, então, voltou a pontuar mais e, no bloqueio de Monique, fez 17/13. O time paulista não permitiu maior reação do adversário e, no bom saque de Carol, encostou em 19/18. Na reta final, no bloqueio duplo de Monique e Carol, o Rexona-AdeS fez 23/20. No final, 25/21.

O segundo set teve um início favorável ao time carioca. Quando o marcador apontou 6/2, Juba pediu tempo. O Rexona-AdeS manteve o bom ritmo e ainda chegou a 8/2. O Sesi-SP pontuou e, no bloqueio de Fabiana, reduziu a desvantagem para 8/4. O time visitante manteve o domínio do set e, com Monique, chegou a 15/6. Em boa passagem de Andréia pelo saque, o Sesi-SP reagiu e diminuiu a diferença de 10 para sete pontos (17/10). Mas, o Rexona-AdeS voltou a pontuar bem e fez 21/14.

A parcial seguinte começou melhor para o time do Rio de Janeiro, mas o Sesi-SP buscou e deixou tudo igual em 4/4. No ponto de bloqueio de Monique, que esteve em uma noite inspirada neste fundamento, o Rexona-AdeS colocou dois de vantagem (7/5). Mais uma vez com a oposto, o time carioca fez 12/7. Com ponto de saque de Natália, o Rexona-AdeS chegou a 15/9. Com dois pontos seguidos de Jaque, o Sesi-SP diminuiu a diferença no placar (17/13), e Bernardinho pediu tempo. A vantagem do Rio se manteve em quatro: 20/16.

EQUIPES

SESI-SP – Pri Heldes, Dayse, Fabiana, Bia, Jaque e Ellen. Líbero – Suelen
Entraram – Andréia, Carol Leite, Ana Carolina
Técnico: Giuliano Ribas

REXONA-ADES – Court, Monique, Carol, Juciely, Gabi e Natália. Líbero – Fabi
Entraram – Lorenne, Roberta, Drussyla
Técnico: Bernardinho

Fonte: Clarissa Laurence
Foto: Biratan Aricó Junior
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...