segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

SUL-AMERICANO MASCULINO 2016: Sada Cruzeiro derrota Funvic Taubaté e é Tricampeão Sul-Americano de forma invicta

Sada Cruzeiro derrota Funvic Taubaté e é Tricampeão Sul-Americano de forma invicta
Cruzeirenses conquistam a América pela terceira vez 

O melhor clube brasileiro e do planeta é, novamente, o melhor da América do Sul. O Sada Cruzeiro conquistou, neste domingo, 21/02, o seu tricampeonato Sul-Americano de Vôlei. Jogando na casa do adversário, o elenco azul fez 3 sets a 0 no Funvic Taubaté e levantou seu quinto troféu na temporada 2015/16. As parciais do duelo no Ginásio do Abaeté, em Taubaté-SP, foram 25/20, 25/21 e 25/10. O clube estrelado, que por seus resultados é considerado o melhor time de vôlei da atualidade, já havia levantado o troféu continental nas edições de 2012 e 2014.

E o grupo do técnico Marcelo Mendez comemorou muito a vitória e mais esse objetivo atingido, pois o Sul-Americano já é o quinto título conquistado somente nesta temporada.

A atuação dos cruzeirenses diante do anfitrião foi espetacular. Impondo um ritmo de jogo muito forte desde o início da partida, o Sada Cruzeiro não permitiu que o Taubaté pensasse em vitória em nenhum momento do confronto. O saque azul era forçado e funcionava muito bem, o aproveitamento no ataque foi muito alto e o sistema defensivo ainda deu aula de voleibol. A partida impecável deu o terceiro título da “Libertadores do Vôlei” aos cruzeirenses.“Todo o nosso time está de parabéns. Hoje jogamos muito bem com nosso saque e bloqueio. E o nosso ataque também rendeu muito. O primeiro set foi mais complicado e depois nos outros nós abrimos muita diferença. O nosso grupo já tem muita experiência, sabe jogar finais, entende o momento de forçar, de diminuir o erro. Todos entraram muito focados e queriam esse título. Essa conquista é mais um reconhecimento importante do nosso trabalho, do trabalho de todas as pessoas da nossa equipe”, analisou o treinador do Sada Cruzeiro.

O levantador e capitão William falou sobre a força do grupo celeste. “Às vezes eu paro pra pensar e eu tenho certeza que a gente não tem a magnitude de tudo o que a gente tem feito. Eu tenho certeza disso. Eu não sei onde isso vai chegar, mas é difícil pensar que um dia esse ciclo vá acabar. Eu não consigo me ver vestindo outra camisa, sem os caras que jogam do meu lado. Essa é a nossa mentalidade, a gente se sente muito bem jogando um do lado do outro. Hoje o time mostrou o comprometimento mais uma vez, a vontade de vencer outro campeonato da forma como foi, contra uma equipe forte, extremamente competente, que é o Taubaté, dentro da casa deles. É bem bacana fazer parte disso tudo”, comemorou o Mago.

Finalista pelo terceiro ano consecutivo do torneio continental, o plantel azul chegou ao título de forma invicta. A Raposa superou uruguaios e bolivianos, o próprio anfitrião Taubaté na primeira fase e ainda passou com tranquilidade pelo argentino UPCN para disputar a decisão.

“Esse título é mais uma coroação de um projeto muito sério. E a conquista de mais esse troféu dá a todas as crianças e jovens do nosso projeto mais motivação para continuar trabalhando e aprendendo. São mais de 1000 alunos que treinam gratuitamente nas nossas escolinhas de vôlei. Esses jogadores são exemplos para todos eles. A cada ano, cada competição, a ansiedade é a de sempre, porque entramos em todos os campeonatos da mesma maneira, com gana e vontade de vencer, mas sabemos que é um projeto sério, com uma comissão técnica e atletas que trabalham muito. Temos orgulho do que estamos construindo no voleibol”, valorizou o presidente da equipe, Vittorio Medioli.


Funvic Taubaté  vice-campeã do Sul-Americano de Clubes

Equipes:

Sada Cruzeiro: William, Wallace, Leal, Filipe, Isac, Éder e o líbero Serginho. Entraram: Fernando Cachopa e Alan. Técnico: Marcelo Mendez.

Funvic Taubaté: Rapha, Sanchez, Lucarelli, Lipe, Otávio, Deivid e o líbero Felipe. Entraram: Japa, Leozão, Pedro, Ialisson e Diego. Técnico: Cézar Douglas.


PREMIAÇÃO

Após a final, houve a premiação da Seleção do Sul-Americano

Passador: William Ajona – SADA Cruzeiro
Oposto: Wallace Souza – SADA Cruzeiro
Ponteiros: Ricardo Lucarelli – Funvic Taubaté e Nicolay Uchikov - UPCN
Centrais: Isac Santos – SADA Cruzeiro e Deivid Costa – Funvic Taubaté
Líbero: Felipe Silva – Funvic Taubaté
MVP:Yoandy Leal Hidalgo – SADA Cruzeiro 



Fonte:Divulgação Sada Cruzeiro e Tuddo Comunicação
Foto: Renato AraújoDivulgação Sada Cruzeiro e Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté-Divulgação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...