sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

SUPERLIGA MASCULINA 2015/16: Jogando fora de casa, o Juiz de Fora Vôlei venceu o Copel Telecom Maringá Vôlei

Jogando fora de casa, o Juiz de Fora Vôlei venceu o Copel Telecom Maringá Vôlei

Pela 3ª rodada do returno da Superliga, o Copel Telecom/Maringá Vôlei entrou em quadra para enfrentar o Juiz de Fora-MG, nesta quinta-feira (28), às 19h30, no Ginásio de Esportes Chico Neto, e perdeu por 3 sets a 2 (24/26, 25/27, 25/18, 25/20 e 10/15). Com o resultado, o time maringaense soma mais um ponto na classificação.

Contando com o retorno do levantador Ricardinho, que desfalcou a equipe nas últimas rodadas, o Copel Telecom/Maringá começou bem o primeiro set. Logo no início, o time da casa conseguiu abrir 5x1 no placar e chegou ao tempo técnico na frente (8x5). Na volta, o Juiz de Fora começou a reação e encostou no placar no segundo tempo técnico (16x14). O set continuou disputado, mas depois de marcar três pontos seguidos, os visitantes passaram à frente fazendo 16x17. Os dois times continuaram trocando pontos até que o Juiz de Fora fez 26x24 e venceu o primeiro set do jogo.

No segundo set o jogo começou mais disputado, com os visitantes chegando à frente no primeiro tempo técnico pela vantagem mínima (7x8). Em seguida, o Juiz de Fora marcou quatro pontos seguidos e aumentou a vantagem para 8x12. Maringá reagiu com um ace de Luan e um bloqueio de Ualas, empatando o set em 13x13. Na volta do tempo técnico, o Copel Telecom/Maringá também marcou quatro pontos seguidos e passou à frente no placar (19x17). Porém, o Juiz de Fora conseguiu empatar e virar o placar no fim do set, vencendo pela parcial de 25x27, abrindo 2 sets a 0 no placar. 

O técnico do time maringaense, Horacio Dileo, colocou Fukuzawa e Aureliano para começarem jogando o terceiro set. As mudanças deram resultado e o Copel Telecom abriu 5x1 no placar. Antes mesmo de chegar o primeiro tempo técnico do set o Juiz de Fora encostou e chegou à parada com a desvantagem de apenas dois pontos (8x6). Na volta, o set continuou disputado até o Copel marcar quatro pontos seguidos e chegar com a vantagem de cinco ao tempo técnico (16x11). Maringá manteve a vantagem e conseguiu fechar o set em 25x17.

Depois de vencer o terceiro set, o Copel Telecom entrou no quarto novamente com Fukuzawa. Querendo levar a partida para o tie break, Maringá chegou ao tempo técnico com vantagem mínima (8x7). Na volta, fez boa sequência de pontos e abriu 16x13 no placar. Aureliano, com dois pontos de bloqueio, Fukuzawa com um, e Gelinski, que marcou de saque, aumentaram a vantagem do time maringaense (22x15). O time da casa, com apoio da torcida, administrou a vantagem e fechou o set em 25x20, empatando a partida em 2 a 2.

O tie break começou muito disputado, mas com o Juiz de Fora à frente do placar desde o começo do set. Na volta da para técnica o time visitante aumentou a vantagem e abriu 5x10. Daí para frente o time mineiro administrou a vantagem e fechou o set em 10x15, vencendo o jogo por 3 sets a 2.

Para Thiago Sens, ponteiro do Copel Telecom/Maringá Vôlei, o fato de o time não conseguir colocar em prática o que vinha fazendo nas últimas partidas, foi determinante para a derrota. “Não só nos sets que perdemos, mas durante toda a partida de hoje, fomos abaixo do potencial e da qualidade que vínhamos fazendo e treinando durante a semana. Independentemente disso, vamos continuar lutando e entrar com outra postura no próximo jogo.”

O maior pontuador do time maringaense foi o oposto Luan, com 22 pontos. Do lado mineiro, Djalma fez 24 e também foi eleito o melhor em quadra, levando o troféu Viva Vôlei.

O próximo jogo do Copel Telecom/Maringá Vôlei será novamente em casa. Pela 4ª rodada do returno da competição, o time enfrenta o Sada Cruzeiro, no sábado (30), às 12h. O jogo será transmitido pelo SporTV.

Fonte/Fotos: Divulgação Copel Telecom/Maringá Vôlei
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...