sábado, 30 de janeiro de 2016

COPA BANCO DO BRASIL FEMININA 2016: Dentil/Praia Clube vence o Camponesa/Minas e está na Final da Copa Brasil

Dentil/Praia Clube vence o Camponesa/Minas e está na Final da Copa Brasil
Jogadoras do Dentil/Praia Clube comemoram ponto na vitória sobre o Camponesa/Minas

O Dentil/Praia Clube (MG) conseguiu uma vitória convincente sobre o Camponesa/Minas (MG), na noite desta sexta-feira (29.01), e garantiu a vaga na grande decisão da Copa Banco do Brasil feminina de vôlei. Sob o comando do técnico Ricardo Picinin, a equipe de Uberlândia (MG) venceu por 3 sets a 0, com parciais de 26/24, 25/22 e 25/18, no ginásio Taquaral, em Campinas (SP), que esteve lotado, com a presença de 2.600 torcedores.

Com o resultado, o Praia está classificado para a final da competição, que será realizada neste sábado (30.01), às 21h, contra o Rexona-AdeS (RJ) que derrotou o Vôlei Nestlé (SP) por 3 sets a 1.

Após a partida, a experiente central do Dentil/Praia Clube, Walewska, comemorou o resultado conquistado nesta sexta-feira.

“Viemos bem na Superliga e agora alcançamos a final inédita da Copa Banco do Brasil. Estamos muito felizes em trazer o projeto, os patrocinadores e a nossa equipe para essa decisão. Agora temos que pensar em descansar um pouco, já que, independentemente de qual equipe passar, amanhã vai ser uma pedreira”, afirmou Walewska.

Pelo Camponesa/Minas, o técnico Paulo Coco lamentou algumas falhas da sua equipe, especialmente em momentos impróprios.

“Cometemos erros em momentos importantes, principalmente nos dois primeiros sets. Tivemos algumas sequências de saque com erros também em momentos decisivos. Não conseguimos manter uma regularidade de consistência e isso custou a derrota”, comentou Paulo Coco.

O JOGO

O primeiro ponto do jogo foi do Camponesa/Minas no erro do time adversário. Com Ramirez no ataque e Walewska, no bloqueio, o Dentil/Praia Clube virou o jogo para 2/1. No bom saque de Carol Gattaz, a equipe do Minas fez 5/3. O Praia buscou o resultado e, contando com erros do adversário, fez 7/5. A vantagem seguiu para o time de Uberlândia em 10/7. Depois de uma grande recuperação de bola de Michelle, o Praia pontuou no erro do adversário e chegou a 13/10. O Camponesa/Minas, então, reagiu e, com Carla, deixou tudo igual (13/13). Na bola de segunda de Claudinha, o Dentil/Praia Clube fez 17/16. Com Tandara no bloqueio, o Camponesa/Minas assumiu o comando do placar (19/18) e forçou Picinin a pedir tempo. Com a ponteira Carla, o Minas chegou a 22/20. Ramirez, então, pontuou e o Dentil/Praia Clube chegou ao empate em 22 pontos. No final, tudo igual novamente em 24/24, e o Praia conseguiu fechar o primeiro set em 26/24.

O Camponesa/Minas entrou em quadra embalado no segundo set e logo abriu 3/0. Neste momento, Ricardo Picinin pediu tempo. Na volta, mais dois bons saques de Carla e 5/0 no placar. Com Carol Gattaz, o Minas chegou ainda a 6/0. O Dentil/Praia Clube reagiu e, no bloqueio de Walewska, reduziu a diferença (6/3). O placar ainda equilibrou em 6/5. No bloqueio de Mara, 10/7 para o Minas. De novo no bloqueio, o Praia encostou no placar em 12/11, mas a equipe de Belo Horizonte voltou a abrir em 14/11. Ramirez voltou a pontuar bem e o Dentil/Praia Clube chegou ao empate (15/15). Com Samara, o Camponesa/Minas fez 18/17. Alix pontuou e o placar ficou novamente igual: 19/19. Na reta final do set, o Dentil conseguiu abrir dois pontos em 22/20. E, no bloqueio duplo de Walewska e Alix, o Dentil/Praia Clube fechou em 25/22.

O terceiro set começou ao contrário do segundo, com o Dentil/Praia Clube abrindo 3/0. O time de Uberlândia seguiu melhor em quadra e abriu quatro pontos em 8/4. Com Michelle explorando bem o bloqueio do Camponesa/Minas, o Dentil chegou a cinco de vantagem (11/6) e forçou Paulo Coco a pedir tempo. Depois de uma longa disputa de bola, Carla pontuou e o Camponesa/Minas reduziu a desvantagem para 11/9. Neste momento, Picinin pediu tempo. No segundo tempo técnico, a diferença no placar era de cinco pontos a favor do Dentil/Praia Clube: 16/11. Na largadinha de Michelle, a equipe de Uberlândia chegou ao placar de 20/13. No bloqueio individual de Natasha, 22/14. Neste momento, Paulo Coco parou o jogo mais uma vez. Diferente dos sets anteriores, o Dentil/Praia Clube teve menos dificuldades e venceu por 25/18.

EQUIPES

DENTIL/PRAIA CLUBE – Claudinha, Ramirez, Walewska, Natasha, Alix e Michelle. Líbero – Tássia
Entraram – Malu, Jú Carrijo, Pri Daroit
Técnico: Ricardo Picinin

CAMPONESA/MINAS – Naiane, Carla, Carol Gattaz, Mara, Tandara e Samara. Líbero – Léia
Entraram – Valquíria, Karol, Laís
Técnico: Paulo Coco

Fonte:CBV
Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...