sábado, 5 de dezembro de 2015

SUPERLIGA FEMININA 2015/16: Dentil/Praia Clube vence e encerra invencibilidade do Vôlei Nestlé

Dentil/Praia Clube vence e encerra invencibilidade do Vôlei Nestlé

Uberlândia (MG) - Caiu o último invicto da Superliga. O Dentil/Praia Clube bateu o Vôlei Nestlé, na noite desta sexta-feira (4) por 3 sets a 1, parciais de 27/25, 26/28, 25/12 e /25/23. A partida foi marcada por erros de arbitragem e pelas contusões de Carcaces e Suelle no início da disputa. A cubana Ramirez ganhou o VivaVôlei como a melhor em quadra. Agora, a equipe comandada por Luizomar busca a reabilitação na terça-feira (8), em casa, diante do Camponesa/Minas. 

Indignada com a marcação do penúltimo ponto a favor do Praia, a central Thaisa deixou a quadra reclamando muito. "Jogo definido pelo juiz no finalzinho. O bandeirinha marcou desvio no bloqueio, mas o juiz não aceitou. Arbitragem lamentável, várias bolas duvidosas sempre para o lado do Praia", desabafou Thaisa.

A líbero Camila Brait preferiu assumir os erros do time, principalmente nos dois sets finais. "Começamos bem e depois de um primeiro set muito equilibrado, revertemos a desvantagem no segundo e empatamos. Mas depois começamos a rifar as bolas e erramos muito. O juiz também errou, sobretudo no penúltimo ponto, mas precisamos tirar tudo isso como lição. Treinar mais e se preparar para enfrentar o Minas", afirmou.

O técnico Luizomar lamentou as contusões de suas jogadoras, mas admitiu que seu time não foi bem durante toda a partida. "O ataque não funcionou e tivemos problemas com a recepção. Perdemos a Suelle no primeiro set. A Carcaces também sentiu. O erro do juiz no 23/23 poderia ter mudado o jogo. Mesmo assim o time teve brio e lutou bastante. Agora é se concentrar para o jogo importante de terça-feira, quando teremos o apoio da nossa torcida", analisou. 

O time de Osasco está na terceira colocação com 16 pontos, com seis vitórias e uma derrota, a única desta temporada, depois de conquistar o Campeonato Paulista invicto. Fora de casa, o Vôlei Nestlé ganhou do Pinheiros, Concilig/Vôlei Bauru e Terracap/Brasília. No José Liberatti, as comandadas de Luizomar venceram Rio do Sul/Equibrasil, São Bernardo e São Cristóvão Saúde/São Caetano. O jogo desta sexta-feira foi o quarto com o uniforme de Nescau, marca foco da quinzena (22/11 até 05/12) na promoção "Nestlé Vida em Família Faz Bem". 

O jogo - Partida equilibrada como era esperado entre duas equipes que estão na ponta da classificação da Superliga. O Vôlei Nestlé chegou à primeira parada técnica com uma pequena vantagem, 8/7. Mas uma sequência de bloqueios do adversário mudou o panorama. O Praia passou à frente e chegou a 16/13. A equipe visitante reagiu, com Gabi, 15/16, Carcaces, 17/19. Dois bloqueios, com Thaisa e Ivna, e o Vôlei Nestlé empata em 20/20. Mais um bloqueio de Thaisa, 22/21. A equipe comandada por Luizomar tem dois sets points, 24/23 e 25/24, mas não fecha a parcial. O adversário se aproveita e dá números finais, 27/25. O destaque é Thaisa, com 6 pontos.

O segundo set caminhava para uma definição tranquila para as mandantes. O Praia fez 8/7, abriu uma larga vantagem, 16/11 e tudo indicava que fecharia a série. Carcaces, contundida, foi substituída por Ivna. Suelle, que tinha entrado no primeiro set, também sentiu o joelho e ficou no banco fazendo tratamento com gelo, sem condições de entrar. Neste momento, surge uma gigante em quadra: Gabi assume o jogo e inicia a reação do seu time, apoiada por Thaisa. A ponteira faz 17/19, Thaisa marca, 21/22 e 23/24. Após um rali de 37 segundos, o maior da partida, Gabi empata em 24/24. E novamente, 25/25. Um bloqueio de Saraelen coloca as visitantes na frente, 26/25. Gabi marca, 27/26 e Ivna fecha a série, 28/26, empatando a partida. 

Um set para esquecer. As contusões de Carcaces e Suelle desconcentraram a equipe de Osasco. Sem recepção e com uma sucessão de erros, as visitantes permitiram que o adversário fosse abrindo vantagem. 2/8. Nada dava certo, 5/16. Uma pequena reação, 10/20, mas logo o Praia fechou o set em 25/12, fazendo 2 a 1. 

O Vôlei Nestlé voltou disposto a mudar o jogo. E conseguiu equilibrar até o primeiro tempo técnico, 7/8. Caiu de produção mais uma vez e o Praia abriu para 16/10. Uma sequência de saques potentes de Van Hecke colocou sua equipe novamente no jogo, 15/18. Três bloqueios seguidos, com Adenízia, Ivna e Thaisa, 18/21. Gabi faz 19/21, depois de um rali de 39 segundos, e empate em 23/23, com bloqueio sobre a cubana Ramirez. Van Hecke ataca, pede desvio no bloqueio, mas o juiz não marca, 23/24. Em seguida, Thaisa ataca para fora, definindo o set para o Praia, 25/23. 

EQUIPES:

Vôlei Nestlé: Dani Lins, Lise Van Hecke, Carcaces, Gabi, Thaisa, Adenízia e a líbero Camila Brait. 
Entraram: Ivna, Suelle, Diana, Carla e Saraelen. 
Técnico: Luizomar de Moura.

Dentil/Praia Clube: Claudinha, Alex Klineman, Daymi, Michelle, Natasha, Walewska e a líbero Tássia. 
Entraram: Ju Carrijo, Pri Daroit e Malu. 
Técnico: Ricardo Picinin.

Fonte/foto: ZDL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...