domingo, 18 de outubro de 2015

CAMPEONATO PAULISTA DE VÔLEI FEMININO 2015: Vôlei Nestlé vence o São Cristóvão Saúde/São Caetano e decide título do Paulista contra o Sesi

Vôlei Nestlé vence o São Cristóvão Saúde/São Caetano e decide título do Paulista contra o Sesi

Luizomar e suas comandadas superaram o São Cristóvão Saúde/São Caetano neste domingo (18), por 3 sets a 1

O Vôlei Nestlé garantiu neste domingo (18) a classificação para mais uma decisão de Campeonato Paulista. Após vitória fora de casa, o time de Osasco conquistou a vaga para enfrentar o Sesi-SP ao superar o São Cristóvão Saúde/São Caetano novamente, só que desta vez em Osasco, no ginásio José Liberatti. Luizomar e suas comandadas tiveram dificuldades e precisaram suar a camisa, durante 2h13min, para aplicar 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/19, 22/25 e 26/24, fechando a série por 2 a 0. Adenízia e Gabi, com 17 pontos, foram as duas maiores pontuadoras da partida juntamente com Thaisinha. A equipe jogou com um novo uniforme, em mais uma ação da promoção "Vida em Família Faz Bem", desta vez com Chocolates Nestlé.

Gabi marcou 12 de seus 17 pontos nos dois primeiros sets e foi a responsável por fechar o jogo. "Já esperávamos essa dificuldade porque São Caetano mostrou sua força no confronto diante do Pinheiros. É uma equipe com poder de reação e, por isso, sabíamos que seria um jogo duro. Passamos por momentos de dificuldades no terceiro e quarto sets, mas conseguimos reverter a situação e conquistar a vaga tão desejada para a final. Será minha quarta decisão consecutiva de Paulista e estou muito feliz", disse a ponteira. 

Adenízia fez três bons sets, mas foi decisiva no quarto, com seis pontos. "Saio feliz pela vitória, mas nossa equipe tem de estar concentrada em todos os sets. Vacilamos um pouco em alguns momentos da partida e isso não pode acontecer. Todos os times vão entrar com muita vontade para nos vencer e não podemos entrar mais ou menos. Preciamos jogar mais concentradas e pressionando o adversário do início ao fim. Ainda falta entrosamento e hoje cometemos erros individuais que não podem acontecer na final", afirmou a central. 

Relacionada pela primeira vez, a belga Lise Van Hecke fez a estreia no segundo set. Luizomar a colocou novamente na terceira e quarta parciais e a oposta estrangeira contribuiu com quatro pontos. "Foi muito bom estrear jogando em casa. A nossa torcida é barulhenta e apoia o time o tempo todo. É muito gostoso poder jogar com uma torcida dessas ao lado", enfatizou.

Invicto na competição, o time de Osasco vai para sua quinta final consecutiva. A última vez que o clube não esteve na decisão foi em 2010, quando o Pinheiros foi campeão e o Vôlei Futuro (Araçatuba) ficou em segundo. A equipe da Nestlé é a atual tricampeã estadual e terá pela frente o Sesi-SP na busca por mais um título. O primeiro jogo está marcado para quinta-feira (22), às 19h10, na Vila Leopoldina, em São Paulo. O segundo e decisivo confronto será realizado no domingo (25), às 10h, no José Liberatti.

O jogo - A partida começou equilibrada e com as equipes se alternando na liderança do placar. Porém, o Vôlei Nestlé mostrou mais eficiência nos ataques e contra-ataques e abriu dois pontos nas duas paradas: 8/6 e 16/14. Gabi anotou três dos primeiros oito e Carcaces marcou quatro do primeiro ao segundo tempo técnico. Ivna fez em ataque e o time de Osasco marcou 20 a 18. Daí em diante as mandantes mostraram superioridade. Gabi fez 21 a 18 e Saraelen, de bloqueio, 22 a 18. A central fez ainda mais um de ataque e um ace: 24 a 19. Adenízia deu números finais ao set: 25 a 20, em 29 minutos. Foram 19 de ataque, 3 de bloqueio e 1 de saque. Carcaces e Gabi se destacaram com seis pontos. 

O início da segunda parcial foi semelhante a anterior, mas com Ivna aparecendo mais para o jogo, com três pontos: 8 a 7 para as mandantes. Com um erro das visitantes, o placar registrou 11 a 11. Foi neste instante que São Caetano cresceu e anotou três pontos seguidos: 14 a 11. Gabi diminuiu com acerto de ataque, mas o time do ABC retomou a diferença com 15 a 12. Adenízia pontuou e reduziu para dois. Ivna foi para o saque e o time de Osasco reagiu com seis pontos seguidos, virando para 19 a 15. Carcaces bloqueou e o marcador foi para 23 a 17. A belga Lise Van Hecke entrou em quadra pela primeira vez na inversão 5-1 junto com Diana e foi a responsável pelo 24º ponto. E com um erro de saque de Thaisinha, o Vôlei Nestlé fechou por 25 a 19, em 30 minutos. Foram 14 de ataque, 3 de bloqueio e 1 de saque. Gabi foi o destaque com seis pontos. 

Com 2 a 0 contra, São Caetano entrou determinado a não se despedir do Paulista e começou bem na terceira parcial. Após a vantagem de 8 a 6 no primeiro tempo técnico, o time do ABC aproveitou a desconcentração e os erros do Vôlei Nestlé e abriu ampla diferença: 16 a 8. Luizomar fez modificações e as mandantes iniciaram uma reação. Marjorie entrou no lugar de Saraelen, Suelle na vaga de Carcaces, e Lise Van Hecke e Diana na inversão 5-1 substituindo Dani Lins e Ivna. Gabi aproveitou um contra-ataque e pontuou, diminuindo para dois acertos: 23 a 21. Apesar do esforço, a recuperação foi tardia e as visitantes fecharam por 25 a 22, em 35 minutos. Foram 15 pontos de ataques e 1 de saque. Adenízia foi a melhor das mandantes com quatro acertos.

O quarto set deu continuidade ao equilíbrio dos dois primeiros, com São Caetano em vantagem nas duas paradas técnicas: 8 a 7 e 16 a 15. O Vôlei Nestlé assumiu a dianteira com um erro do adversário: 20 a 19. Em seguida, Suelle marcou em ataque e aumentou para 21 a 19. O rival do ABC voltou a empatar em 23 a 23, mas em seguida Adenízia colocou no chão e anotou 24 a 23. Após nova igualdade, coube a novamente Adenízia colocar o time de Osasco à frente: 25 a 24. As comandadas de Luizomar não desperdiçaram mais uma chance de fechar o jogo e Gabi assinalou 26 a 24, em 39 minutos. Foram 14 de ataque e quatro de bloqueio. Adenízia se destacou com seis pontos na parcial. 

No Vôlei Nestlé jogaram e marcaram: Dani Lins (2), Carcaces (11), Adenízia (17), Saraelen (8), Gabi (17), Ivna (13) e a líbero Camila Brait. Entraram: Diana, Suelle (4), Marjorie (4) e Lise Van Hecke (4). Técnico: Luizomar de Moura.

No São Cristóvão Saúde/São Caetano jogaram e marcaram: Ana Maria (1), Thaisinha (17), Andressa (9), Edna (7), Lia (8), Ciça (4) e a líbero Silvana. Entraram: Bruna (11), Larissa (3), Soninha (5), Thaynã e Sonaly. Técnico: Hairton Cabral.

Fonte:ZDL - Rafael Zito
Foto:Luiz Pires/Fotojump
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...