domingo, 18 de outubro de 2015

CAMPEONATO PAULISTA DE VÔLEI FEMININO 2015: Sesi-SP vence o Concilig/Vôlei Bauru e garante vaga na final do Paulista

 Sesi-SP vence o Concilig/Vôlei Bauru e garante vaga na final do Paulista 
Meninas do Sesi comemoram a vitória sobre o  Concilig/Vôlei Bauru

Voando em quadra, as meninas do Sesi-SP fizeram um jogo praticamente impecável e garantiram a vaga para a final do Campeonato Paulista Feminino 2015. Enfrentando o Concilig/Vôlei Bauru na tarde deste sábado, na Vila Leopoldina, o time da capital paulista conquistou o placar de 3 sets a 0 (25/16, 25/16 e 25/20) e agora aguarda o vencedor do confronto entre São Cristóvão Saúde e Vôlei Nestlé para a decisão do campeonato.

Jogando em casa com o apoio da torcida, as comandadas do técnico Talmo de Oliveira deram um show de habilidades e comemorações em quadra. Sempre muito vibrante, Jaqueline não deixou passar um ponto sem pular e abraçar a equipe. Com toda essa energia, as meninas do Sesi-SP jogaram muito e garantiram os dois primeiros sets com nove pontos de vantagem. No último, a vantagem caiu para cinco, mas não apagou a boa atuação da equipe.

Ouvindo seu nome durante todo o jogo, Carol Leite foi uma das peças fundamentais para a conquista da vaga na final. A levantadora, que tem um vasto leque de atacantes à disposição, comemora o momento e a importância de ter um time forte ao seu lado.

“Nós temos uma equipe de atacantes muito forte, no começo foi uma pouco difícil, a equipe mudou bastante, e para as levantadoras entrosarem leva um tempo, mas nós estamos nos adaptando bem, estamos melhorando e evoluindo a cada treino. Para mim é muito bom ter várias atletas, não fica centralizado só em uma jogadora, nós sabemos que a Jaque e a Fabi vão sempre estar ali, principalmente em momentos de decisão, mas eu tenho um leque de jogadoras muito bom para trabalhar, dificultando a marcação das adversárias”, comentou Carol.

“Nós começamos muito bem em Bauru, sabíamos que teríamos muita pressão da torcida, no terceiro set tivemos uma caída, mas no quarto a gente voltou bem. Hoje nós entramos com o pensamento de que com qualquer vacilo poderíamos correr o risco de perder o jogo e disputar o golden set, então entramos muito focadas. Agora, independentemente do time que vier, nós precisamos nos preparar, treinar muito forte e focar para esses dois jogos e ir para cima. Nosso foco é o título e vamos com tudo”, finalizou.

Prova da boa distribuição de Carol Leite entre as atacantes foi o resultado final das pontuações. Com 13 pontos, Fabiana foi a atleta que mais marcou na partida, seguida por Jaqueline e Ellen, com 9 pontos, e Bia e Sabrina, com 8 cada. O time entrou em quadra com Fabiana, Ellen Braga, Sabrina, Carol Leite, Jaqueline, Bia e a líbero Michelle Daldegan. Entraram Pri Heldes e Andreia.

O jogo

O primeiro set começou com um belo rali finalizado pela equipe do Vôlei Bauru. Equilibrado, com cada ponto sendo decidido nos detalhes, as meninas da Vila Leopoldina logo assumiram a dianteira e chegaram ao primeiro tempo técnico da partida com 8 a 4. Na volta, o Sesi-SP sofreu com o crescimento do time adversário, chegando ao empate em 11/11. Sem se deixar abater, as centrais cresceram no jogo. Bia, com um ponto de saque, e Fabiana, atacando forte pelo meio de rede, levaram a equipe à frente no marcador (16/11). Voando em quadra e muito vibrante, Jaqueline desequilibrou o placar, atacou, bloqueou, defendeu e cravou a última bola do set, que acabou com 25/16.

Com mais um rali, as equipes iniciaram o segundo set do jogo, dessa vez com a equipe da casa levando a melhor. Acertando uma sequência de três bloqueios, o time de Bauru chegou ao empate (7/7), mas foram as meninas da capital paulista que mais uma vez levaram o primeiro tempo técnico do set (8/7). Bem entrosado e voando em quadra o Sesi-SP não deu muitas chances para as adversárias, abriu seis pontos de vantagem ao chegar no segundo tempo técnico (16/10), e na sequência Bia começou a brilhar ainda mais. Atacando muito, a central chamava pela levantadora Carol Leite, puxando a responsabilidade para si. Atendida, ajudou a equipe a cravar mais um set (25/16).

Diferentemente dos dois primeiros, o terceiro set não começou com um rali, mas iniciou bem disputado, com as equipes empatadas até os 4 a 4, quando as donas da casa abriram dois pontos e chegaram ao primeiro tempo técnico (8/6). Aumentaram a diferença para oito pontos (16/7), mais uma vez com o grande momento da central Bia. Próximo do fim do set, as meninas de Bauru até tentaram encostar no marcador com 22/20, mas foram as donas da casa que tomaram conta do jogo, com 25/20.

Fonte: Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp
Foto: Helcio Nagamine/Fiesp
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...