domingo, 5 de julho de 2015

GRAND PRIX 2015:Brasil vence a Tailândia e encerra primeira semana com três vitórias

Brasil vence a Tailândia e encerra primeira semana com três vitórias
Brasileiras comemoram a vitória por 3 sets a 0 sobre a Tailândia

A seleção brasileira feminina de vôlei terminou invicta a primeira semana da edição 2015 do Grand Prix. Neste domingo (05.07), o Brasil venceu a Tailândia, que contou com o apoio de uma barulhenta torcida, por 3 sets a 0 (25/23, 25/18 e 25/13), em 1h23 de jogo, no Indoor Stadium Huamark, em Bangcoc, na Tailândia.

Com o resultado, o time verde e amarelo foi o vencedor do grupo A da competição, com três vitórias em três jogos e nove pontos. O Japão ficou em segundo, com seis pontos, a Tailândia em terceiro, com dois, e a Sérvia em quarto, sem pontos. 

A central Juciely brilhou no confronto e foi a maior pontuadora da partida, com 15 acertos (oito de ataque, cinco de bloqueio e dois de saque). As ponteiras Gabi, com 13, e Fernanda Garay, com 10, também pontuaram bem para as brasileiras. Pelo lado da Tailândia, destaque para a central Pleumjit, com sete pontos. 

Ao final do jogo, a ponteira Gabi fez uma análise da participação do Brasil na primeira semana do Grand Prix e no jogo contra a Tailândia. 

“Nossa intenção era terminar essa semana com nove pontos e conseguimos isso. Foram jogos difíceis. O Japão e a Tailândia são equipes que têm muito volume de jogo e nós tivemos que ser pacientes. Jogamos bem taticamente e essas partidas foram boas para dar rodagem para algumas jogadoras. O importante dessa etapa foram as três vitórias e agora vamos com tudo para os jogos no Brasil”, disse Gabi, que ainda comentou sobre a apaixonada torcida da Tailândia. 

“Tivemos um pouco de dificuldade no primeiro set contra a Tailândia. Elas jogam com muita velocidade e demoramos para ajustarmos as nossas marcações. A torcida também apoiou o time delas o tempo inteiro e fizeram uma festa muito bonita. Conseguimos sacar melhor a partir do segundo set e isso também nos ajudou”, explicou Gabi. 

O treinador José Roberto Guimarães gostou da campanha das brasileiras na primeira semana do Grand Prix e elogiou o bloqueio do time verde e amarelo. 

“Essas três vitorias no começo do Grand Prix foram muito importantes para acertarmos o time. Melhoramos nosso sincronismo das jogadas e gostei bastante do nosso bloqueio. Esse foi o fundamento que mais nos ajudou. Agora, vamos pensar em São Paulo, onde vamos jogar diante da nossa torcida e isso vai servir de treinamento para os Jogos Olímpicos”, afirmou José Roberto Guimarães. 

As brasileiras embarcarão na madrugada desta segunda-feira (06.07) para São Paulo, no Brasil, onde será disputado o grupo D do Grand Prix. O Brasil enfrentará, respectivamente, Bélgica, Tailândia e Alemanha, entre os dias 10 e 12 de julho, no ginásio do Ibirapuera. O time verde e amarelo é o atual campeão e luta pelo 11º título da competição. 

O JOGO

A partida começou com um longo rally e a Tailândia levou a melhor. Apoiadas pela torcida, as donas da casa foram para a primeira parada técnica com dois de vantagem (8/6). O Brasil cresceu de produção e virou o marcador (10/9). O set ficou disputado ponto a ponto. A ponteira Fernanda Garay conseguiu um ponto de contra-ataque e o Brasil abriu dois (18/16). Com muito volume de jogo, a Tailândia virou o marcador (21/19) e o treinador José Roberto Guimarães pediu tempo. A paralisação fez bem as brasileiras. Com um ace da campeã olímpica Fernanda Garay, o time verde e amarelo deixou tudo igual no marcador (21/21). O Brasil foi melhor na parte final da parcial e venceu o primeiro set por 25/23 com um ponto de ataque da ponteira Gabi. 

O início do segundo set foi marcado pelo equilíbrio. Com dois pontos seguidos da central Juciely, o Brasil abriu dois (8/6). Se aproveitando dos erros da Tailândia e bem no bloqueio, o Brasil aumentou a diferença no placar para cinco pontos (13/8) e manteve a vantagem no segundo tempo técnico (16/11). Com um ponto de contra-ataque da ponteira Fernanda Garay, o Brasil fez 21/15. As brasileiras seguraram a vantagem até o final e venceram o segundo set por 25/18. 

A central Juciely se destacou no bloqueio e no ataque e o Brasil abriu cinco pontos no início do terceiro set (10/5). O técnico da Tailândia, Radchatagriengkai, pediu tempo. Mesmo com a paralisação, o Brasil seguiu melhor e, com Fê Garay e Gabi bem no ataque, foi para o segundo tempo técnico com sete de vantagem (16/9). O time verde e amarelo administrou o placar até o final e venceu o set por 25/13 e o jogo por 3 sets a 0. 

BRASIL – Dani Lins, Joycinha, Gabi, Fê Garay, Juciely e Carol. Líbero – Camila Brait 
Entraram – Monique, Macris, Adenízia, Bárbara e Mari Paraíba
Técnico: José Roberto Guimarães 

TAILÂNDIA – Tomkom, Pleumjit, Sittirak, Hattaya, Malika e Kongyot. Líbero – Pannoy e Buakaew 
Entraram – Kokram, Moksri, Apinyapong, Chaisri e Guedpard
Técnico – Radchatagriengkai

Fonte: Divulgação CBV
Foto: Divulgação FIVB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...