quinta-feira, 16 de julho de 2015

GRAND PRIX 2015: Brasil enfrenta a Rússia nesta quinta pela fase italiana do GP

Brasil enfrenta a Rússia nesta quinta pelo Grand Prix 2015
Monique, Sassá e Juciely durante o treinamento desta quarta-feira

Líder e invicta, a seleção brasileira feminina de vôlei terá um tradicional adversário na estreia da terceira semana do Grand Prix. Nesta quinta-feira (16.07), o Brasil enfrentará a Rússia, às 12h10 (Horário de Brasília), no Pala Catania, em Catania, na Itália. A Band e o SporTV transmitirão ao vivo. O time verde e amarelo e a equipe europeia estão no grupo G que conta ainda com a Itália e a Bélgica. 

Na classificação geral do Grand Prix, o Brasil, já classificado para a fase final, aparece na liderança, com 18 pontos (seis vitórias). A China está em segundo lugar, com a mesma pontuação das brasileiras, mas com um pior saldo de sets. Os Estados Unidos estão em terceiro, com 17 pontos, a Itália em quarto, com 11, e a Rússia em quinto, com a mesma pontuação das italianas e um saldo inferior de parciais. 

O último confronto entre Brasil e Rússia aconteceu no Mundial de 2014 e as brasileiras levaram a melhor por 3 sets a 1. Para o treinador Paulo Coco, que substitui José Roberto Guimarães no Grand Prix, o saque terá um papel decisivo no duelo contra a Rússia. 

“É sempre muito difícil enfrentar a Rússia. Elas têm um time muito forte no ataque e no bloqueio, além de uma alta estatura. Temos que ser inteligentes para jogar contra elas. Vamos precisar ter um saque eficiente para dificultar as ações ofensivas delas. Será importante jogar com o bloqueio triplo e com muito volume de jogo. O sistema defensivo precisará funcionar”, explicou Paulo Coco. 

A ponteira Gabi elogiou o adversário desta quinta-feira e pediu concentração e paciência para o time verde e amarelo. 

“Acredito que esse será o jogo mais difícil dessa etapa. A Rússia é um time de qualidade e sempre joga bem contra o Brasil. Além disso, elas estão com a equipe quase completa. A Goncharova tem atuado e a Kosheleva deve jogar nesta quinta-feira. Sabemos que vamos precisar sacar muito bem para organizar o nosso bloqueio e ter paciência”, afirmou Gabi. 

A líbero Sassá também chamou a atenção para o saque e ressaltou a importância da defesa contra a Rússia. 

“O mais importante nesse jogo será o saque. A Rússia tem como principal característica o ataque. Por isso, temos que sacar bem para tirar o passe da mão da levantadora. Outro fundamento decisivo na partida será a defesa. Teremos que defender bem para gerar contra-ataques”, disse Sassá. 

O Brasil será representado na terceira semana do Grand Prix pelas levantadoras Dani Lins e Roberta, as opostos Monique e Ivna, as centrais Juciely, Carol, Mara e Mayhara, as ponteiras Natália, Gabi, Suelle e Ellen e as líberos Sassá e Léia. 

GRAND PRIX 2015

BANGCOC (TAILÂNDIA) 

(03.07) – Brasil 3 x 1 Japão (21/25, 25/21, 25/17 e 27/25) 

(04.07) – Brasil 3 x 0 Sérvia (25/20, 25/15 e 25/15) 

(05.07) – Brasil 3 x 0 Tailândia (25/18, 25/13 e 25/23) 

SÃO PAULO (BRASIL) 

(10.07) – Brasil 3 x 0 Bélgica (25/17, 25/16 e 25/14) 

(11.07) – Brasil 3 x 1 Tailândia (25/23, 20/25, 25/14 e 25/19) 

(12.07) – Brasil 3 x 0 Alemanha (26/24, 25/22 e 26/24)

CATANIA (ITÁLIA) 

(16.07) – Brasil x Rússia, às 12h10 (Horário de Brasília) 

Transmissão: Band e SporTV 

(17.07) – Brasil x Bélgica, às 12h10 (Horário de Brasília) 

Transmissão: Band e SporTV 

(18.07) – Brasil x Itália, às 15h10 (Horário de Brasília) 

Transmissão: Band e SporTV

Fonte/foto: CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...