quinta-feira, 7 de maio de 2015

MUNDIAL FEMININO DE CLUBES 2015: Rexona-Ades Estreia No Mundial De Clubes Com Vitória Sobre O Volero Zurich

Rexona-Ades Estreia no Mundial de Clubes com vitória sobre o Volero Zurich
Meninas do Rexona-Ades comemoram a vitória na estreia do Mundial de Clubes

O Rexona-Ades começou com vitória a busca pelo título do Mundial de clubes. Nesta quinta-feira (07.05), a equipe carioca venceu o Volero Zurich por 3 sets a 1 (30/28, 25/22, 33/35 e 25/22), no Saalsporthalle, em Zurique, na Suíça. A partida foi válida pelo grupo A, que além das brasileiras e suíças, conta com o Mirador, da República Dominicana.

O próximo desafio do Rexona-Ades na competição será contra o Mirador, da República Dominica, às 12h30 (horário de Brasília) desta sexta-feira (08.05).

Pelo grupo B, o Dínamo Krasnodar, das brasileiras Fabíola e Fernanda Garay, foi superado pelo Eczacibasi, da Turquia, por 3 sets a 0 (25/22, 26/24 e 25/19), e precisa da vitória sobre o Hisamitsu Springs, do Japão, em jogo que será realizado às 15h desta quinta-feira, por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1, para alcançar a semifinal.

As equipes se enfrentarão dentro dos seus grupos e as duas melhores classificadas de cada chave garantirão lugares na fase semifinal. 

O JOGO

Bem no bloqueio e no saque, o Rexona-Ades começou melhor a partida e fez 10/7. O Volero Zurich cresceu de produção e a diferença caiu para dois (15/13). Numa boa sequência de saques da central Carol, a equipe carioca voltou a abrir no marcador (19/15). O time suíço se aproveitou dos erros do Rexona-Ades e deixou tudo igual (23/23). O final da parcial foi extremamente equilibrado, as cariocas foram melhores nos momentos decisivos e venceram o primeiro set por 30/28. 

O início do segundo set também foi marcado pelo equilíbrio. O Rexona-Ades tinha um de vantagem no primeiro tempo técnico (8/7). Com eficiência nos contra-ataques, a equipe carioca abriu três pontos (10/7). A oposto Régis conseguiu um ponto de contra-ataque e as cariocas fizeram 16/13. O Volero Zurich se aproveitou dos erros das cariocas e empatou (18/18). O Rexona-Ades foi melhor na parte final da parcial e venceu o segundo set por 25/22. 

O Volero Zurich voltou melhor para a terceira parcial e fez 4/1. A central Carol fez um ace e as cariocas empataram o marcador (10/10). Bem no saque, a equipe suíça abriu dois (16/14). O bloqueio e o saque das cariocas voltaram a funcionar e o Rexona-Ades fez 24/22. O Volero Zurich tirou a vantagem e, em um final de parcial decidido no bloqueio, venceu o terceiro set por 35/33. 

O Rexona-Ades veio para o quarto set disposto a fechar a partida e fez 8/4. Numa boa sequência de saques da levantadora Thompson, o Volero Zurich deixou tudo igual no marcador (16/16). Assim como toda a partida o jogo se manteve equilibrado até o final e as cariocas venceram o set por 25/22 e o jogo por 3 sets a 1. 

Fonte: CBV
Foto: Divulgação FIVB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...