sexta-feira, 10 de abril de 2015

SUPERLIGA FEMININA 2014/15: Molico/Nestlé marca 17 pontos de bloqueio, vence Sesi e se classifica para a final da Superliga

Molico/Nestlé marca 17 pontos de bloqueio, vence Sesi e se classifica para a final da Superliga
Paredão da equipe de Osasco marca 17 pontos, barra o ataque do Sesi e garante arrasadora vitória por 3 sets a 0 para fechar o playoff semifinal por 2 a 0. Decisão do título será contra o Rexona-Ades

Osasco (SP) - O Molico/Nestlé está na final da Superliga 2014/15. Com uma vitória maiúscula sobre o Sesi por 3 sets a 0, Thaisa, Carcaces, Dani Lins e cia. decidirão o título nacional com o Rexona-Ades, no dia 26 deste mês, no Rio de Janeiro. Para fechar a série semifinal em 2 a 0 na noite desta sexta-feira (10), no ginásio José Liberatti, em Osasco, que recebeu lotação máxima, as comandadas de Luizomar contaram novamente com um paredão implacável. Com 17 pontos de bloqueio, fecharam o jogo com parciais de 25/21, 25/17 e 25/14, em 1h21min. Com 11 acertos, a capitã Thaisa foi a maior pontuadora e Gabi foi eleita a melhor em quadra para conquistar o troféu VivaVôlei.

Muito comemorada pelas companheiras, a ponteira Gabi ressaltou a importância do jogo coletivo. "Fiz um jogo bom coletivamente. As meninas me ajudaram bastante e a Dani Lins fez as escolhas certas. Treinamos de forma exemplar durante a semana e com bastante foco. No bloqueio estou sempre ali parada e se atacar em mim a bola volta porque não deixo a mão boba. Se passar por mim confio na defesa, principalmente na Brait, que é líbero da seleção brasileira e passa confiança. O grupo está extremamente fechado e agora vamos atrás desse tão sonhado título", afirmou a jogadora, que marcou dez pontos, sendo nove de ataque, . 

O técnico Luizomar enalteceu os méritos da equipe na classificação. "Novamente mostramos muita lucidez e superioridade. Taticamente fizemos um excelente jogo. Conquistamos essa vaga com méritos, pois fizemos dois jogos muito bons e cumprimos a estratégia. De novo a relação saque, bloqueio e defesa funcionou. A equipe entendeu os momentos de dificuldades e amadureceu durante a competição. Estamos muito felizes por estarmos em mais uma final", analisou o treinador. 


O jogo Determinação, disciplina tática e coragem. Quando Dani Lins enfiou uma bola de segunda por entre as mãos de Fabiana e marcou o primeiro ponto da partida, deixou claro que o MOLICO/Nestlé iria para cima do Sesi. E foi. As donas da casa mandaram no primeiro set, marcaram cinco pontos de bloqueio e saíram na frente do duelo com o placar de 25/21, após 30 minutos. Thaisa comandou o paredão de Osasco, marcando dois de seus três pontos na parcial no bloqueio. Total: ataque (10), bloqueio (5), erros do adversário (10).

O muro do time de Osasco continuou alto no segundo set. Em dois bloqueios seguidos, Gabi e Thaisa marcaram e o Molico/Nestlé abriu 7/3. E seguiu mandando no placar. Chegou ao segundo tempo com 16/12 e começou a abrir caminho para a vitória após mais dois pontos de Gabi. Na base do paredão, ela levou sua equipe ao 20/14. E para manter o festival de bloqueios das donas da casa (foram mais seis), a cubana Carcaces fechou a parcial em 25/17 após parar, uma vez mais, o ataque do Sesi. Com quatro pontos cada, Thaisa, Carcaces e Gabi foram as maiores pontuadoras. Total: ataque (11), bloqueio (6), saque (1), erros do adversário (7).

Thaisa seguiu comandando o Molico/Nestlé na terceira parcial. Com dois aces seguidos, ela ajudou sua equipe a abrir 10/2. Com novo show no bloqueio e eficiência ofensiva, a equipe de Luizomar atropelou o Sesi. Com o passe na mão, Dani Lins colocou todas as suas companheiras para jogar, com destaque para Gabi e Carcaces. E foi da levantadora, em mais uma linda bola de segunda, o ponto da vitória e da vaga na decisão da Superliga: 25/14, após 25 minutos. Dani Lins, Ivna e Thaisa fizeram quatro pontos cada. Total: ataque (10), bloqueio (6), saque (2), erros do adversário (7).

EQUIPES: 

Molico/Nestlé: Dani Lins (4), Ivna (9), Carcaces (7), Gabi (10), Thaisa (11), Adenízia (7) e a líbero Camila Brait. 
Entraram: Samara, Diana e Mari (1). 
Técnico: Luizomar de Moura.

Sesi: Carol Albuquerque (1), Bárbara (10), Suelle (7), Mari Cassemiro (6), Bia (5), Fabiana (7) e a líbero Suellen. 
Entraram: Claudinha (1), Pri Daroit (3), Liz (2) e Michelle. 
Técnico: Talmo.

Nestlé busca sexto título - A Nestlé tem uma história vitoriosa no vôlei brasileiro e, até o momento, possui cinco títulos da Superliga. Na década de 1990, o Leite Moça ganhou a competição nas edições de 1994/95, 1995/96 e 1996/97. O time daquele período contava com craques como, Fernanda Venturini, Ana Moser, Virna e Leila. A empresa retornou ao esporte em 2009, quando assumiu a equipe de Osasco. Na segunda versão do patrocínio, o Sollys/Nestlé foi campeão em 2009/10 e 2011/12. Os dois troféus foram conquistados sob o comando de Luizomar e o time já possuía as jogadoras Adenízia, Thaisa e Camila Brait. 

Osasco também almeja o hexa - Pentacampeão nacional, o clube de Osasco também está na briga por sua sexta taça da Superliga. Com o antigo patrocinador, a agremiação subiu no topo do pódio em 2002/03, 2003/04 e 2004/05. Já com a Nestlé de parceiro, o time foi campeão em 2009/10 e 2011/12. 

Tabela Superliga 2014/15

Final
26/04 (domingo) - 10 horas - Rexona-Ades x MOLICO/Nestlé - Rio de Janeiro 

Fonte/foto:ZDL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...