sexta-feira, 20 de março de 2015

SUPERLIGA FEMININA 2014/15:Molico/Nestlé e seu bloqueio "ofensivo" encaram Pinheiros na abertura das quartas de final

Molico/Nestlé e seu bloqueio "ofensivo" encaram Pinheiros na abertura das quartas de final
 Thaisa ressalta ofensividade do bloqueio da equipe
 O primeiro jogo das quartas de final entre Molico/Nestlé e Pinheiros será realizado neste sábado (21), às 15h30, no ginásio José Liberatti. Melhor bloqueio da fase de classificação da Superliga, a equipe comandada por Luizomar tem neste fundamento uma de suas principais armas para esse confronto. Thaisa e suas companheiras já anotaram 306 pontos com o "paredão" e o aproveitamento é de 25,02%. O time de Osasco venceu os dois jogos disputados na primeira etapa da competição, ambos por 3 sets a 2.

 A capitã Thaisa classifica o bloqueio do Molico/Nestlé como um ataque por sua agressividade, mas aponta a defesa como fundamento principal neste duelo. "Temos um bloqueio bastante ofensivo e agressivo e é uma das nossas armas, mas o Pinheiros é um adversário difícil de bloquear porque joga com muita rapidez. Portanto, é uma partida que a defesa tem uma importância maior e terá o papel de fazer subir as bolas para passar confiança ao bloqueio. Sabemos que é um jogo muito mais de defesa e treinamos bastante para isso. Precisamos sacar bem para aumentar a probabilidade de bloquear. Tudo começa a partir de um saque eficiente", afirma a central.
 Dani Lins foi eleita a melhor jogadora nos dois embates da fase de classificação. A jogadora também destaca o sistema defensivo. "As expectativas são boas porque treinamos com intensidade, dedicação e foco. Nesta etapa cada jogo é como se fosse uma final e precisamos atuar bem. Nos treinos melhoramos concentração, paciência e cobertura de ataque. É mata-mata, por isso, vamos entrar com muita vontade e atitude. Sabemos que temos que errar menos e o volume de defesa será essencial. Bloqueio e defesa tem que funcionar bem contra elas", garante a levantadora.
 O Molico/Nestlé terminou a fase de classificação em terceiro com 54 pontos, 19 vitórias em 24 partidas, 61 sets vencidos e 24 perdidos. O Pinheiros ficou na sexta colocação com 42 pontos, 14 vitórias e 10 derrotas. A equipe de Osasco leva vantagem no retrospecto recente, já que são 19 vitórias e 4 derrotas nos 23 confrontos mais recentes. Em jogos só pela Superliga, são 9 resultados positivos e somente 1 revés nos últimos 10 jogos. O segundo duelo das quartas de final será realizado na terça-feira (24), no ginásio Henrique Villaboin. Se necessária, a terceira partida terá as comandadas de Luizomar como mandantes, no dia 28, às 16h. 
Fonte:  ZDL - Rafael Zito
Foto: João Pires/Fotojump
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...