terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

SUPERLIGA FEMININA 2014/15:Camponesa/Minas vence o São José dos Campos e conquista quinta vitória no returno da Superliga

Camponesa/Minas vence o São José dos Campos e conquista quinta vitória no returno da Superliga
         Camponesa/Minas garantiu quinta vitória no returno 


A Camponesa/Minas conquistou um ótimo resultado na noite desta terça-feira (10/2). Em partida realizada na Arena Minas Tênis Clube, a equipe minastenista bateu o São José dos Campos, por 3 sets a 0 (parciais de 25/14, 25/8 e 28/26), e garantiu a quinta vitória no returno da Superliga Feminina de Vôlei 2014/15.

Mari Paraíba, da Camponesa/Minas, foi eleita a melhor jogadora em quadra e levou para a casa o Troféu Viva Vôlei. A maior pontuadora da partida foi a ponteira minastenista Jaqueline, com 22 pontos. Pelo lado paulista, a maior pontuadora foi Thaynara, com oito pontos. “O time começou em um ritmo muito intenso, nos dois primeiros sets. No terceiro set, a equipe deu uma caída, o que ocasionou no crescimento da equipe adversária. Isso deixa claro que na Superliga não tem jogo fácil. Mas a equipe recuperou dentro do set e conquistou mais uma vitória importante”, destacou Mari Paraíba.

O técnico Marco Queiroga analisou a atuação da Camponesa/Minas no jogo desta terça-feira. “O São José veio com uma proposta de arriscar muito no saque. Nos dois primeiros sets nós conseguimos anular essa proposta deles e desde o início fomos muito fortes. Talvez um pouco de desconcentração no início do terceiro set permitiu que essa tática deles fosse mais efetiva. O time adversário ganhou mais confiança e erramos muito nesse set, com 12 pontos de erro. Mas, mesmo assim, tivemos capacidade e consistência para conseguirmos virar no placar”.

Após a excelente vitória desta terça-feira, a Camponesa/Minas permanece em sexto lugar na tabela, agora com 34 pontos. Já o São José dos Campos segue na lanterna do campeonato, com apenas quatro pontos ganhos.

O próximo desafio da equipe minastenista na competição nacional será longe de casa, no dia 20 de fevereiro, às 19h30, contra o Cemar/Maranhão.

Minas contra o preconceito

As jogadoras e os membros da comissão técnica da Camponesa/Minas entraram em quadra com a blusa “Somos iguais” e uma faixa com os dizeres “Minas contra o preconceito”. O Minas é absolutamente avesso a quaisquer manifestações discriminatórias, contrárias aos princípios e valores praticados pelo Clube.

O jogo

O São José dos Campos abriu o placar do jogo, após erro da equipe minastenista. O time visitante ampliou a vantagem, após pontos de saque, com Camila e de bloqueio, com Malu. A Camponesa/Minas se recuperou na partida, virou o jogo e chegou ao primeiro tempo técnico com boa frente no placar, com destaque para a ótima atuação da ponteira Jaqueline: 8/5. Com o ataque muito eficiente, a equipe minastenista seguiu ampliando a vantagem e chegou ao segundo tempo técnico seis pontos na frente: 16/10. A Camponesa/Minas se manteve superior e fechou o set sem grandes dificuldades: 25/14.

O segundo set começou com três pontos seguidos da Camponesa/Minas, com bloqueio e ataque de Jaqueline e ataque de Carla. O São José dos Campos diminuiu, se aproveitando de erro minastenista, mas o time da casa não saiu da frente do placar até o primeiro tempo técnico, quando estava com o dobro de pontos do adversário: 8/4. O jogo seguiu tranquilo para a Camponesa/Minas, que apresentava um ataque eficiente, principalmente da ponteira Jaqueline. Até o segundo tempo técnico, a equipe visitante somou apenas um ponto e a diferença no placar passou para onze pontos: 16/5. O time da casa ampliou ainda mais a vantagem e fechou o segundo set com muita tranquilidade, em ataque de Walewska: 25/8.

A Camponesa/Minas abriu o terceiro e último set, após erro de saque do São José dos Campos. A equipe da casa ampliou, após bloqueio de Walewska, mas o time visitante diminuiu, com Déborah. O início de set foi mais equilibrado entre as equipes e o time paulista conseguiu chegar com vantagem até o primeiro tempo técnico: 6/8. Com a equipe minastenista desconcentrada em quadra, o São José dos Campos se manteve na frente até o segundo tempo técnico, quando o placar mostrava 14/16. Com muitos erros da Camponesa/Minas, o time paulista conseguiu ampliar a diferença no marcador, mas a equipe da casa correu atrás, inverteu a vantagem e conquistou a vitória na Arena Minas Tênis Clube: 28/26.

Equipes: 

Camponesa/Minas: Walewska, Carol Gattaz, Naiane, Jaqueline, Carla, Mari e a líbero Laís. Técnico: Marco Queiroga.

São José dos Campos: Camila, Malu, Ana, Jéssica, Thaynara, Ju e a líbero Vitória. Entraram: Edna, Fran, Déborah e Samara. Técnico: Ademílson Mendes.


Fonte: Minas Tenis Clube
Foto: Orlando Bento
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...