sábado, 31 de janeiro de 2015

SUPERLIGA MASCULINA 2014/15:Sesi-SP vence o Vôlei Canoas

Sesi-SP vence o Vôlei Canoas por 3 sets a 0 
Equipe do Sesi derrotou o Vôlei Canoas por 3 sets a 0

Liderando bem a partida, o time de vôlei masculino do Sesi-SP venceu neste sábado (31/01), no ginásio da Vila Leopoldina, a equipe do Vôlei Canoas por 3 sets a 0 (25/19, 25/21 e 27/25) pela Superliga.

Com o resultado, o Sesi-SP chegou aos 37 pontos. O central Lucão foi o maior pontuador da partida, com 13 acertos, seguido pelo ponteiro Maurício, que anotou 12 pontos – dois deles no saque.

Ao final do jogo, Lucão elogiou a atuação da equipe, mas disse que é preciso evitar certos descuidos nas próximas partidas. “Conseguimos colocar um bom ritmo de saque e fazer nossa virada consistente, como estamos fazendo nos últimos jogos. Demos uma vacilada no terceiro set, coisa que não pode acontecer, mas a equipe está crescendo no momento certo.”

Para o técnico do Sesi-SP, Marcos Pacheco, o time jogou bem e soube lidar com os pontos fortes do adversário. “O Canoas vinha em uma sequência muito forte de jogos e nós sabíamos a dificuldade, mas imprimimos o jogo desde o começo. Fomos agressivos e conseguimos neutralizar os pontos fortes do time adversário. O importante foi que buscamos nosso objetivo e essa vitória foi muito importante para nós crescermos como equipe, como time e crescer no campeonato”, analisou Pacheco.

O técnico disse ter ficado satisfeito com a inversão do 5-1, feita com a entrada de Thiaguinho e Mão – eleito o melhor em quadra pela comissão técnica, ganhando inclusive o Troféu Viva Vôlei. “A inversão, hoje, trabalhou muito bem. Eles entravam quando o jogo estava equilibrado e deixava a partida com o time sempre em vantagem. O Mão foi fundamental nisso, no ataque e em uma recepção difícil. O melhor do jogo muitas vezes não é aquele que faz mais pontos, mais sim aquele que foi importante nos momentos decisivos do jogo. E o Mão foi. A dupla formada por ele e Thiaguinho foi essencial para o jogo”, completou o técnico.

Além da inversão do 5-1, Pacheco também usou a potência do ponteiro Murilo durante os sets. Destaque no bloqueio, o central Riad foi o responsável por quatro dos 10 pontos nesse fundamento.

O jogo

O primeiro set começou com ponto de Lucarelli e seguiu bem administrado pelo Sesi-SP. O time cometeu poucos erros e soube usar boas técnicas para sair na frente e fechar o primeiro tempo técnico com três pontos de vantagem (08/05). Com dois aces de Maurício, boas jogadas do Mão e o Lucão atacando pelo meio de rede, a equipe de Pacheco dominou o jogo e fechou o set em 25/19.

O segundo set começou mais equilibrado. O Canoas saiu na frente, mas logo o Sesi-SP empatou e seguiu a partida ponto a ponto. Após o time adversário sair na frente no primeiro tempo técnico (07/08), o time da Vila reagiu e foi a vez de Lucarelli atacar forte e Riad brilhar no bloqueio. O time assumiu mais uma vez à frente no marcador e fechou o segundo tempo técnico (16/14). O set seguiu com a equipe mantendo uma diferença entre dois e três pontos de vantagem. Até que Mão vindo da lateral atacou forte e aumentou essa vantagem para quatro pontos, levando o time para mais uma vitória no set (25/21).

Assim como no segundo, o terceiro set começou apertado. O time de Pacheco até conseguiu abrir dois pontos de diferença e fechar o primeiro tempo técnico (08/06), mas logo o Canoas cresceu e igualou o marcador em 12/12. A equipe reagiu bem com Lucarelli no ataque, abriu dois pontos e fechou o segundo tempo técnico (16/14). Mas uma série de erros dos dois lados direcionou o jogo para um empate, seguindo até a reta final da partida, em qu o time da Vila Leopoldina foi mais forte e levou o com 27/25 e ganhou o jogo por 3 sets a 0.

Fonte: Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp
Foto:  Divulgação - Sesi-SP
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...