sábado, 10 de janeiro de 2015

SUPERLIGA MASCULINA 14/15: UFJF vence SESI-SP no tie-break

UFJF vence SESI-SP no tie-break 
O ponteiro Manius brilhou no duelo e ficou com o Troféu VivaVôlei

A UFJF bateu a equipe do SESI-SP na noite deste sábado, 10. O placar foi de 3×2, com parciais de 25×20, 20×25, 25×22, 21×25 e 15×12. A partida, válida pela 4ª rodada do returno da Superliga 2014/15, foi jogada no Ginásio da Faefid (campus da UFJF), e teve público de 512 pessoas. A noite foi dos ponteiros. Lucarelli, do SESI-SP, foi o maior pontuador, com 23 pontos. Pela Federal, Sergio marcou 19 vezes. E Manius, com exibição muito consistente no ataque e na defesa, ficou com o prêmio Viva Vôlei, dado ao melhor em quadra. Com a vitória, a equipe juiz-forana foi a 14 pontos, ficando na décima colocação da Superliga. Os paulistas são os quintos, com 28.

Os jogadores que começaram pela UFJF foram Rodrigo Ribeiro (levantador), Bergamo (oposto), Ialisson e Guinter (centrais), Manius e Sérgio (ponteiros) e Fábio Paes (líbero). Também jogaram o levantador Gelli, o oposto Alemão, o central Ninão e o líbero Tatinho. O ponteiro Daivisson também foi relacionado para o jogo. Victor Hugo e Batagim ficaram de fora, lesionados. A equipe visitante começou com Marcelinho (levantador), Rafael (oposto), Maurício e Lucarelli (ponteiros) Riad e Lucão (centrais) e Serginho (líbero). Também entraram o levantador Thiaguinho, o oposto Theo, o ponteiro Murilo e o central Aracaju.

O ponteiro Sergio falou sobre a importância da vitória para a equipe: “A gente vinha só perdendo, o que acaba desanimando o time. É sempre bom ganhar, faz bem para todo mundo, faz a gente acreditar mais na gente”, apontou. Sobre o apoio da torcida, que encheu o Ginásio da Faefid e fez muito barulho, Sergio agradece, e promete entrega total nos próximos dois jogos, ambos contra o Cruzeiro, pela Superliga e pela Copa Brasil: “Nos apoiaram o tempo todo, estão todos de parabéns. Contra o Cruzeiro, vamos pra cima. A partir de agora, cada partida é uma final”, completa.

O técnico Alessandro Fadul, que fez a sua estreia junto ao torcedor juiz-forano e teve seu nome gritado ao final do jogo, comentou sobre o triunfo: “A vitória é apenas o final do processo. O caminho é mais importante. A gente trabalhou muito ao longo dos dias para corrigir falhas apresentadas durante a temporada. Hoje a equipe conseguiu ser regular e manter o desempenho, em todos os fundamentos, do início ao fim e com muito volume de jogo”, destaca. Fadul fez questão de dividir os méritos: “A torcida nos empurrou do início ao fim. Eles terem gritado o meu nome foi bom. Mas quem esteve bem foi o grupo. Eu sou apenas uma das peças; quem faz todo o trabalho são os meus jogadores. São eles que merecem aplausos, por tudo que fizeram para superar o mau momento”, enfatiza o treinador. Sobre Manius, Fadul foi só elogios: “Fez uma partida maravilhosa. Ajudou muito o grupo a manter a tranquilidade, com toda experiência que tem. Ele sempre está pronto para ser decisivo”, finaliza.

Fonte:Assessoria de imprensa:  UFJF 
Foto:Divulgação CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...