terça-feira, 27 de janeiro de 2015

SUPERLIGA FEMININA 2014/15: Pinheiros vence Brasília Vôlei no tie-break

Pinheiros vence Brasília Vôlei  no tie-break 

Na noite desta terça-feira (27), o Brasília Vôlei tentou até o fim, mas não conseguiu a vitória diante do E.C. Pinheiros, atual campeão da Copa Brasil, em jogo de 3 sets a 2, com parciais de 15/25, 26/24, 25/23, 20/25 e 12/15.

A torcida que foi apoiar o Brasília Vôlei no Ginásio do Sesi não se decepcionou e assistiu a uma partida marcada por jogadas espetaculares e grande atuação do trio Elisângela, Bruninha e Michelle.

O primeiro set foi de ampla vantagem do E.C. Pinheiros, que não se intimidou com o Ginásio lotado e dominou do início ao fim com ataques precisos da ponteira Cibele, eleita a melhor jogadora da partida e ganhandora do prêmio Viva Vôlei. A parcial ficou 15/25 para as visitantes.

No segundo set, o Brasília Vôlei voltou mais focado e, mesmo levando quatro pontos seguidos no início da partida (1/5), o time não desistiu e encostou no marcador (8/9). Novamente o E.C. Pinheiros comandado pela oposta Rosamaria, abriu cinco pontos de vantagem, foi quando a ponteira Bruninha e a oposta Elisangela mostraram a potência de jogo das brasilienses e ajudaram o Brasília Vôlei a virar o placar com parcial de 26/24.

O E.C. Pinheiros iniciou o terceiro set com mais garra e o jogo ficou truncado, ponto a ponto, até que o trio Elisâgela-Bruninha-Michelle voltou à ação e com muitas jogadas pelas diagonais e explorando o bloqueio adversário, fecharam o período por 25/23.

No quarto set as paulistas conseguiram voltar bem para a quadra. Com boas jogadas de Fran, Rosamaria e Ellen, o E.C. Pinheiros venceu por 20/25. Ao trocar de lado para o quinto set, era puro nervosismo no Ginásio do Sesi, tanto por parte da torcida como das jogadoras. Era visível o cansaço depois de quatro sets longos e disputados. Melhor para as visitantes, que já iniciaram abrindo seis pontos sobre o Brasília Vôlei (1/6), que tentou buscar o resultado no final, mas já era tarde, terminando 12/15 e 3 a 2.

Sérgio Negrão, técnico do Brasília Vôlei, se diz contente com a atuação apesar da derrota. “Lutamos bastante e mostramos que o time está de igual para igual com times fortes. O Pinheiros tem uma equipe redonda e perdemos porque alguém tinha que ganhar, mas encaramos de frente o atual campeão da Copa Brasil”, diz.

A maior pontuadora da partida foi Elisângela, com 24 pontos. Michelle e Cibele vieram empatadas em segundo lugar com 17 cada. Elisângela comenta a atuação. “Hoje contribui mais com a equipe e minha confiança está crescendo. Estamos comentando entre nós em mudança de atitude e mostramos isso hoje, mas vamos trabalhar para poder subir na tabela”, afirma.

Para Bruninha, apesar de não ter vencido, o jogo já valeu para pegar ritmo. “Quando entrei e pude fazer uma defesa, a torcida voltou novamente para o jogo e deu uma forcinha a mais para a gente. Nós melhoramos bastante e um ponto conquistado é muito importante”, finaliza.

Fonte/foto: Ponto Marketing Esportivo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...