quarta-feira, 5 de novembro de 2014

TRICAMPEÃS PAULISTA 2014: Tricampeãs destacam a união, comprometimento e superação como pontos fortes do Molico/Osasco

Tricampeãs destacam a união,  comprometimento e superação como pontos fortes do Molico/Osasco
O técnico Luizomar e as jogadoras da equipe de Osasco ressaltam união do grupo, fundamentais para mais um título 

O Molico/Osasco confirmou o favoritismo e conquistou o tricampeonato paulista na noite desta quarta-feira (5). Venceu o São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 a 0, parciais de 25/18, 25/14 e 25/19, em 1h20. O grande público, estimado em 3.500 pessoas, vibrou muito com as comandadas do técnico Luizomar, que tiveram uma atuação impecável. A maior pontuadora do jogo foi a cubana Carcaces, com 16 acertos, seguida de Ivna (15). Adenízia marcou 9 e Thaisa e Samara, 8 cada.

A palavra do técnico e das jogadoras:

Luizomar - "É o sexto título dessa comissão técnica e o terceiro seguido com a Nestlé. É um título da estratégia, da paciência e da união do grupo, que esteve comprometido com o trabalho. Eu tenho que dividir essa alegria com esses profissionais que fazem um trabalho essencial. Os preparadores físicos (Júlio e Giovani) e o departamento médico (Dr. Tiago, Thiaguinho e Fernandinho) foram importantes porque souberam analisar o momento de cada jogadora. O Fábio (estatístico) nos abasteceu com informações precisas e qualificadas e faz muito bem sua função."

Dani Lins - "Estava com saudades de comemorar um título na minha casa. Estou muito feliz e destaco a união e superação como virtudes desta conquista. A alegria é enorme por trazer mais um título para o MOLICO/Nestlé. O meu único título Paulista era em Osasco (em 2004) e esse é o primeiro como titular".

Thaisa - "Entramos com agressividade e determinação de não deixar a bola cair. Sacamos bem e o bloqueio funcionou. O grupo está de parabéns e estou muito feliz em presentear esse patrocinador, que merece esse campeonato porque são parceiros em todos os momentos. O Luizomar também merece porque é um excelente técnico". 

Camila Brait: "O título dessa noite representa muito para mim. Acabei de chegar da Seleção Brasileira e conseguir ganhar um título, ainda mais chegando bem como foi, me deixa muito feliz."

Adenizia: "Esse para mim foi o título da superação. Tivemos um Campeonato Mundial, onde não conquistamos o ouro, e voltamos para o Molico/Nestlé para ajudar esse time a ganhar o título. Saber que as meninas estavam precisando de nós e poder ajudar é ótimo."

Ivna: "Posso resumir esse título em fé e união. Durante o campeonato estávamos com desfalques e, por isso, tivemos que nos unir. Depois da derrota para o Pinheiros, ficamos ainda mais unidas. Estamos formando um grupo forte e, com fé em Deus, teremos ainda muitos bons jogos pela frente."

Samara: "Tudo gira em não desistir. Tivemos uma situação muito difícil na derrota para o Pinheiros, na semifinal, mas nunca passou pela nossa cabeça desistir. Foi ali que selamos essa nossa vitória."

Carcaces: "Me sinto orgulhosa de vestir a camisa do Molico/Nestlé, de estar com todas as companheiras e de ter todo esse apoio. Estou muito feliz com o primeiro título pelo time de Osasco. E o carinho da torcida é o mais importante e quero agradecer o apoio de sempre. Que eles estejam sempre com a gente."

O jogo - O MOLICO/Nestlé começou embalado e conseguiu quatro acertos seguidos, com Adenízia e Carcaces: 4 a 1. São Caetano se recuperou em bloqueio de Mara e erro de Ivna, diminuindo para 6 a 5. As donas da casa retomaram o domínio com saque forçado, desestabilizando a recepção do rival (11 a 5). O time do ABC errava seguidamente, contribuindo para que as mandantes escapassem no placar, 14 a 7. A vantagem aumentou com Carcaces de bloqueio e Ivna em contra-ataque (19 a 10). Consistente, o time de Osasco administrou a diferença e Adenízia bloqueou para fazer 24 a 18. A oportunidade de fechar apareceu para Samara e a ponteira não desperdiçou. Com sete pontos, Carcaces foi o destaque na vitória por 25 a 18, em 26 minutos. 

O segundo set começou equilibrado, mas com o MOLICO/Nestlé à frente por 8 a 6. As comandadas de Luizomar subiram de produção e deixaram o rival para trás, com destaque para Samara, que apareceu com eficiência na metade da parcial, pontuando em ataques (3) e bloqueios (2). Carcaces começou a desequilibrar quando marcou em contra-ataque e fez 16 a 12. Em seguida, a cubana foi para serviço e com ela no fundamento as mandantes anotaram oito pontos em sequência, com erros de São Caetano e pontos de Samara, Thaisa e da própria Carcaces (24 a12). As visitantes ainda descontaram com dois acertos, mas Ivna finalizou a série por 25 a 14, em 24 minutos. 

O MOLICO/Nestlé entrou no terceiro set disposto a colocar números finais ao campeonato. Abriu 3 a 0 rapidamente e, com Thaisa em ataque e com seu primeiro ace no jogo, o time chegou a 10 a 6. O São Caetano esboçou reação e empatou em 11 a 11, mas daí em diante as mandantes não tomaram conhecimento do adversário e fugiram no marcador, com boas participações de Carcaces, Ivna e Dani Lins, que anotou ponto de saque direto e um importante bloqueio. O placar aumentou ainda mais quando Samara fez dois acertos seguidos e fez 20 a 14. Ivna e Adenízia foram eficientes no ataque e fizeram 23 a 16. O time do ABC ainda tentou buscar, reduzindo para 23 a 19. Mas Carcaces e Adenízia, respectivamente, anotaram os pontos finais e decretaram o título do MOLICO/Nestlé, fechando a parcial decisiva por 25 a 19, em 27 minutos. 

Agora, o MOLICO/Nestlé muda o foco para a Superliga. A estreia será na terça-feira (11), diante do Maranhão/Cemar, em São Luís, para onde o time viaja no domingo (9). 

MOLICO/Nestlé: Dani Lins (3), Ivna (15), Carcaces (16), Samara (8), Thaisa (8), Adenízia (9) e a líbero Camila Brait. Entraram: Mari, Gabi e Diana. Técnico: Luizomar de Moura. 


São Cristóvão Saúde/São Caetano: Carol, Paula (5), Thaisinha (9), Silvana (7), Mara (5), Saraellen e a líbero Nine. Entraram: Juma, Sabrina (2), Dani Suco (4), Sonaly (2) e Joyce (1) . Técnico: Hairton Cabral.

Nestlé é tri e Osasco conquista 12º título - A Nestlé, patrocinadora do time, acabou de conquistar o tricampeonato paulista consecutivo. Em 2012 foi campeã com o patrocínio de Sollys/Nestlé e nas duas últimas edições com MOLICO/Nestlé. Já o clube de Osasco soma, ao todo, 12 conquistas do Campeonato Paulista. O clube levantou seu primeiro troféu da competição em 1996. Após quatro anos sem taças, Osasco ganhou o torneio por oito vezes consecutivas (2001, 2002, 2003, 2004, 2005, 2006, 2007 e 2008) e nos últimos três anos com a Nestlé como patrocinador.

A história do Nestlé com o vôlei é mais antiga. Remonta a 1993 quando a empresa patrocinou a equipe Leite Moça, com sede em Sorocaba. O time colecionou títulos até 1999, como o Mundial de Clubes de 1994 e o tricampeonato Sul-americano e da Superliga e o título paulista de 1995. 

Fonte/foto: ZDL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...