quinta-feira, 30 de outubro de 2014

SUPERLIGA MASCULINA 14/15:Fora de casa, Vôlei Brasil Kirin vence na estreia da Superliga

Fora de casa, Vôlei Brasil Kirin vence na estreia da Superliga 
Meninos do Vôlei Brasil Kirin venceram fora de casa na estreia da Superliga

Na noite desta quarta-feira (29), o Vôlei Brasil Kirin foi até Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, para enfrentar a Voleisul/Paquetá Esportes e venceu na estreia da Superliga Masculina por 3 sets a 1, com parciais de 25-19/17-25/25-22/25-23.

"Foi um jogo duro, assim como todos os jogos da Superliga vão ser. Sofremos um pouquinho com o calor, mas o importante foi o resultado, conquistamos nosso objetivo de levar a vitória para Campinas. Quem compareceu para acompanhar a partida, assistiu a um belo espetáculo”, afirmou o levantador Sandro.

"Um jogo difícil, não conhecíamos o adversário, mas conseguimos nos arrumar dentro do jogo dentro daquilo que a gente tinha planejado para essa estreia, portanto, um bom resultado fora de casa", declarou o técnico Alexandre Stanzioni.

O ponteiro João Paulo Tavares ainda conquistou o troféu Viva/Vôlei, dado ao melhor jogador da partida. Já o oposto Wallace foi o maior pontuador, com 18 pontos.
  
Desde o início da temporada no Vôlei Brasil Kirin, o oposto Wallace foi um dos destaques da partida (Imagem: Divulgação Brasil/Kirin)

O próximo compromisso do Vôlei Brasil Kirin será em casa, no Ginásio do Taquaral, contra o Taubaté no sábado (01/11), às 21h30. No mesmo dia, às 17h, a Voleisul/Paquetá Esportes vai a São Paulo jogar contra o Sesi-SP no Ginásio da Vila Leopoldina.

O JOGO

O time de Campinas não se intimidou com o primeiro desafio fora de casa e começou bem o primeiro set, indo para o primeiro tempo técnico com uma vantagem de três pontos: 8-5. A vantagem aumentou quando o Vôlei Brasil Kirin abriu 16-9 no segundo tempo técnico da partida. O oposto Wallace apareceu bem nas jogadas de ataque e ajudou a equipe a fechar o primeiro set em 25-19.

No segundo set, a Voleisul/Paquetá Esportes chegou a abrir 3-0 já no início, mas os campineiros buscaram, com o levantador Sandro cadenciando o saque, diminuir a vantagem. Mas os donos da casa reagiram na partida, vencendo o segundo set por 25-17 e empatando o jogo em 1-1

O técnico Alexandre Stanzioni colocou o ponteiro João Paulo Tavares e o terceiro set foi mais equilibrado, com as equipes chegando ao empate em 8-8. Os pontos foram disputados um a um, até que o Vôlei Brasil Kirin conseguiu abrir dois pontos: 15-13. A partir daí, o equilíbrio se manteve, mas com o meio de rede Luizinho se destacando na partida, o time de Campinas chegou à vitória do terceiro set: 25-22.

Na etapa final, com direito a ace do meio de rede Vini, o Vôlei Brasil Kirin chegou a abrir quatro pontos de vantagem: 18-14. A torcida local fazia a sua parte, vaiando as jogadas dos campineiros, mas a pressão dos torcedores de Novo Hamburgo não foi suficiente para empurrar o time da casa. Com o oposto Wallace novamente virando boas bolas e o ponteiro Tavares - vencedor do troféu Viva/Vôlei da partida - o Vôlei Brasil Kirin fechou o último set por 25-23 e liquidou a partida em 3 sets a 1 (25-19/17-25/25-22/25-23).

Equipes:

Vôlei Brasil Kirin: Sandro, João Paulo Bravo, Ary, Gustavão, Luizinho, Wallace e Alan (líbero).
Entraram: Michael, Jotinha, João Paulo Tavares e Vini
Técnico: Alexandre Stanzioni

Voleisul/Paquetá Esportes: Rafinha, Satiro, Robinho, Hugo, Japa, Leandrão e Rafa (líbero).
Entraram: Maurício, Renan e Rafael Franco

Técnico: Paulo Roese

Fonte: Divulgação 
Divulgação/Daniel Nunes
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...