quarta-feira, 8 de outubro de 2014

SUL-AMERICANO SUB-22 MASCULINO: Brasil vence o Uruguai na estreia no Sul-Americano Sub-22

Brasil vence o Uruguai na estreia no Sul-Americano Sub-22
Técnico Rubinho comanda o Brasil no torneio em busca do título inédito
  
Focado na busca pelo título inédito, o Brasil estreou com vitória sobre o Uruguai na rodada inaugural do primeiro campeonato Sul-Americano Sub-22 masculino. Na tarde desta quarta-feira (08.10), os brasileiros precisaram de apenas 1h15 para fazer 3 sets a 0 sobre os uruguaios (25/15, 25/13 e 25/20), no Centro de Desenvolvimento do Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ).

Com maior experiência em competições internacionais, a seleção brasileira impôs o ritmo de jogo desde o início e foi superior em todos os fundamentos, com destaque para o saque, com cinco pontos, contra dois do Uruguai, e do bloqueio, oito dos donos da casa e somente dois para os adversários. O central Leandro Aracaju foi o maior pontuador da partida com 14 acertos, dos quais cinco foram bloqueando.

“Ficamos um pouco nervosos por causa da estreia, principalmente no terceiro set, queríamos terminar logo a partida. O time do Uruguai é bom, é jovem, nos deu trabalho, mas estávamos focados. As estratégias de bloqueio que treinamos deram certo e conseguimos a vitória”, comentou o jogador que esteve na campanha do título mundial Sub-23 em Uberlândia (MG) no ano passado.

Apesar da vitória em três sets consecutivos, o treinador brasileiro, Rubinho, apontou o excesso de vontade, principalmente do bloqueio, na partida de estreia. Para o técnico, em alguns momentos a falta de costume de jogar contra uma equipe de estatura mais baixa causou certa dificuldade.

“Nosso bloqueio fez alguns pontos, mas em alguns momentos pecamos pelo excesso de vontade. Algumas bolas desviavam e ia para fora, em outros momentos pulávamos mais alto que o necessário, isso porque nós estamos acostumados a jogar contra times mais altos, então o bloqueio tem que ser no limite do alcance. Nesta partida tivemos que nos adaptar para ataques mais baixos”, avaliou Rubinho que completou dizendo que o nervosismo típico da estreia proporcionou um jogo mais parelho que o esperado.

“Começamos a partida relativamente de forma tranquila. No terceiro set tivemos um problema de passe no início e o time deles se empolgou o que nos forçou a correr atrás do placar na maior parte do tempo. É característico da estreia, apesar da diferença no nível técnico, é sempre difícil. Tivemos um pouco de dificuldade, mas conseguimos a vitória por três sets a zero, que era o nosso objetivo”, concluiu o técnico.

Na primeira partida do dia a Argentina derrotou o Paraguai por 3 sets a 0 (25/18, 25/13 e 25/15). Encerrando a rodada o Chile enfrenta a Colômbia às 18h. O Brasil volta à quadra nesta quinta-feira (09.10), novamente às 15h30 (horário de Brasília), contra os chilenos.

TABELA

PRIMEIRA RODADA (QUARTA-FEIRA – 08.10)

JOGO 01 – Argentina 3x0 Paraguai (25/18, 25/13 e 25/15)

JOGO 02 – Brasil 3x0 Uruguai (25/15, 25/13 e 25/20)

JOGO 03 – Colômbia x Chile, 18h

SEGUNDA RODADA (QUINTA-FEIRA – 09.10)

JOGO 04 – Uruguai x Paraguai, 13h

JOGO 05 – Brasil x Chile, 15h30h

JOGO 06 – Argentina x Colômbia, 18h

TERCEIRA RODADA (SEXTA-FEIRA – 10.10)

JOGO 07 – Chile x Paraguai, 13h

JOGO 08 – Colômbia x Brasil, 15h30

JOGO 09 – Uruguai x Argentina, 18h

QUARTA RODADA (SÁBADO – 11.10)

JOGO 10 – Colômbia x Uruguai, 13h

JOGO 11 – Argentina x Chile, 15h30

JOGO 12 – Paraguai x Brasil, 18h

QUINTA RODADA (DOMINGO – 12.10)

JOGO 13 – Chile x Uruguai, 13h

JOGO 14 – Paraguai x Colômbia, 15h30

JOGO 15 – Brasil x Argentina, 18h


Fonte:  Rogério Lauback  -  CBV
Foto: Alexandre Arruda - CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...