segunda-feira, 19 de maio de 2014

MERCADO DA BOLA: Sheilla é apresentada pelo seu novo time, o VakıfBank Istambul e concede primeira entrevista, confira:

Sheilla é apresentada pelo seu novo time, o VakıfBank Istambul e concede primeira entrevista, confira:
Sheilla com a camisa da nova equipe

Na manhã desta segunda-feira (19), a bicampeã olímpica Sheilla foi apresentada hoje ao seu novo time, o VakıfBank Istambul da Turquia. Ela chega ao novo time após duas temporadas vitoriosas no Molico/Osasco. A atleta assinou contrato por uma temporada e chegou para substituir a sérvia Brakocevic que irá jogar no Azerbaijão.

O Vakifbank Istambul conquistou o Mundial de Clubes de 2013 e é comandado pelo técnico italiano Giovanni Guidetti, que dirige também a seleção feminina da Alemanha. Sheilla o conheceu quando atuava na Itália e defendia o Scavolini Pesaro. Esta será a primeira experiência da atleta entre os turcos. 
Em entrevista ao site do clube, Sheilla diz ter ficado ‘impressionada’ com a estrutura apresentada, mostrou otimismo e complementou dizendo que seu grande objetivo é a Champions League – “É o único título que falta na minha carreira”, afirmou. Confira as principais partes da entrevista : 

VB: Seja bem vinda ao nosso país. Você está inciando um novo capítulo em sua vitoriosa carreira. Como se sente inciando essa nova fase?
Sheilla: Estou muito feliz de estar no VakıfBank Istambul. Começa uma nova etapa da minha carreira nessa nova equipe. Acho que será muito bom farei o melhor para ajudar o time. Nesse início de trabalho quero me entrosar com minhas novas companheiras para fazermos o melhor dentro da quadra.

VB: Após o bicampeonato olímpico e muitos prêmios individuais, quais as metas que deseja alcançar com o VakıfBank Istambul? 
Sheilla: Eu sempre procura alcançar cada vez mais vitórias e títulos. Por exemplo, eu ainda não tenho o título da Liga dos Campeões. Aqui eu tenho chance de conquistar esse título inédito para mim. 

Sheilla assinando contrato com a nova equipe

VB: Como você acha que será sua readaptação ao voleibol europeu após seis temporadas atuando no Brasil? 
Sheilla: Acho que irei me adaptar rapidamente, eu não vejo problema a este respeito. O VakıfBank tem jogadoras de alto nível e isso ajudará na minha adaptação. Será um grande prazer jogar no voleibol europeu onde atuam as melhores jogadoras do mundo. 

VB: Você escolheu o número 13 para estar em sua camisa. Esse número tem algum significado especial para você? 
Sheilla: Quando eu comecei a jogar vôlei e tive que escolher um número, me senti atraída pelo 13, e desde então ao longo da minha carreira sempre usei este número. 

VB: Deixe um recado para os torcedores do VakıfBank:
Sheilla: Agora eu sinto que estou no maior clube do mundo. Será um grande prazer para mim usar essa camisa. Pretendo conquistar o carinho dos torcedores fazendo o melhor possível dentro das quadras.

Fonte: Site Oficial VakıfBank
Matéria: Walter/WCB News
Colaboração: Rafa/WCB News
Fotos: Divulgação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...