segunda-feira, 28 de abril de 2014

Geração de Prata enaltece e homenageia Luciano do Valle na Final da Superliga

Geração de Prata enaltece e homenageia Luciano do Valle na Final da Superliga
Geração de Prata conquistou a medalha inédita em 1984

Na manhã deste domingo (27.04), o ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ), não foi local somente das emoções da grande final da Superliga feminina 13/14, vencida pela Unilever Vôlei (RJ) diante do Sesi-SP, mas também de uma bela homenagem da Geração de Prata ao falecido narrador esportivo Luciano do Valle.

“Fizemos uma homenagem merecida ao Luciano. No início desse movimento, ele foi o responsável pela popularização do voleibol. Em conjunto com a Confederação, comprou a ideia de transformar o voleibol em uma modalidade popular”, destacou Renan Dal Zotto, diretor de marketing da CBV.

Os ex-jogadores entraram em quadra no intervalo do primeiro para o segundo set carregando uma faixa de agradecimento ao locutor por tudo que ele fez pela modalidade, com destaque para sua participação no histórico jogo entre Brasil e União Soviética, em 1983. A viúva de Luciano do Valle, Flávia do Valle, recebeu uma placa pela homenagem.

Um ano após o amistoso histórico, realizado no Maracanã diante de mais de 95 mil pagantes, os ex-atletas da Geração de Prata que compareceram à final neste domingo dariam início à campanha que deu ao Brasil uma medalha olímpica inédita no vôlei, em Los Angeles, 1984, e contribuiriam de forma decisiva para a popularização do esporte. Dal Zotto também comentou a emoção do reencontro com os ex-companheiros de seleção brasileira.

“Foi um encontro sensacional. É sempre legal resgatar a historia do voleibol. Saber que se hoje o voleibol está onde está é porque lá atrás teve um início com muitas dificuldades, que foram vencidas com o tempo”, comemorou Renan.

Fonte e Foto: Divulgação CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...