quinta-feira, 24 de abril de 2014

FINAL DA SUPERLIGA FEMININA 2013/14: Carol e Ivna são destaques da Unilever e SESI na temporada e podem desequilibrar na final

Carol e Ivna são destaques da Unilever e SESI na temporada e podem desequilibrar na final
Carol e Ivna destaques da Superliga 

A central Carol, da Unilever (RJ), e a oposto Ivna, do Sesi-SP, têm muitos pontos em comum na Superliga feminina de vôlei 13/14. Destaques da competição, as duas trocaram de equipe na temporada passada para serem titulares e determinantes no grupo carioca e no time paulista. Nas estatísticas da Confederação Brasileira de Voleibol, a meio de rede aparece como segunda bloqueadora mais eficiente, enquanto a oposto é a quarta maior pontuadora. As duas vivem uma grande expectativa para a decisão que será disputada às 10h deste domingo (27.04), no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ). A TV Globo e o SporTV transmitirão ao vivo.

Para a central Carol, de 23 anos, a oportunidade de disputar a final é única. A atacante elogia o seu time e garante estar muito motivada para decisão.

“Chegamos nessa final como um grupo. O mérito da nossa equipe é grande e estou bastante feliz. Todo mundo se ajuda e queremos muito esse título. A ansiedade está aumentando, mas isso é normal. Tenho certeza que o Maracanãzinho estará lotado para nos apoiar”, afirmou Carol.

A jogadora também comentou a mudança de equipe para essa temporada. Depois de defender o Pinheiros (SP) no ano passado, Carol aceitou a proposta da Unilever visando a evolução.

“Aprendo muito nos treinamentos com as jogadoras mais experientes como Fofão, Juciely e Fabi. Sempre busco crescer e evoluir a cada treinamento. A vontade de fazer melhor é grande. Essa troca nos treinos é muito boa e estou muito realizada nessa equipe”, disse Carol, que também comentou sobre o seu destaque no bloqueio.

“Não costumo olhar as estatísticas, mas fico feliz de ser uma das mais eficientes, atrás somente de uma das melhores centrais do mundo que é a Thaísa. O bloqueio é um dois meus fundamentos favoritos e tenho trabalhado muito para evoluir”, contou Carol.

Pelo lado do Sesi-SP, a oposto Ivna fez uma análise da temporada da equipe paulista e garantiu estar muito motivada para a decisão.

“Batalhamos bastante durante toda a temporada para chegar a essa decisão. Fizemos uma semifinal muito disputada e estou muito feliz de participar desta primeira final do Sesi-SP”, afirmou Ivna, que, depois de cinco anos na posição de reserva dos times do Minas, Pinheiros e Osasco, assegurou, nesta temporada, o lugar entre o time titular.

“O grupo sempre me passou muita confiança. As meninas mais experientes, como a Dani Lins e a Fabiana, conversam sempre comigo, me ajudam muito e isso me deixa confiante de que posso ajudar o meu time nesta final”, disse Ivna.

O oposto do Sesi-SP sempre teve uma jogadora para seguir o exemplo. Curiosamente, Ivna e seu time foram responsáveis por eliminá-la da Superliga 13/14.

“Sempre me espelhei muito na Sheilla e quando jogávamos juntas, em Osasco, sempre pedia algumas dicas. Estou sempre disposta a aprender. Estou em um processo de aprendizado para me tornar uma grande jogadora”, concluiu Ivna.​

Fonte/foto: CBV
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...