sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Entrevista Exclusiva com Léli Oliveira

Léli Oliveira, garra e graça nas quadras



Nossa entrevista exclusiva de hoje é com Léli Oliveira libero da equipe da Universidade Santa Cecília - Santos-SP, atleta que é exemplo de garra e amor ao esporte.

Nesse breve bate - papo Léli nos conta um pouco de sua história no voleibol, relata suas principais dificuldades enfrentadas e todo seu amor ao vôlei.

Conheça agora mais sobre Léli Oliveira

Nome Completo: Francielle Christina de Oliveira
Data de Nasc.: 09/01/1981
Idade: 31 anos
Cidade Onde Nasceu: Paranavaí-Pr
Olhos: Castanhos
Cabelos: Castanhos 
Altura: 1,60
Peso: 54
Equipe: FEFESP/Universidade Santa Cecília
Posição: líbero
Mania: Doces
Qualidade: Persistência
Defeito: Tímida
Hobby: Vôlei de praia com os amigos
Time que Torce: Palmeiras
Medo: Perder pessoas que amo
Comida: Strogonoff de frango     
Viagem: Todas que fiz com os amigos, foram inesquecíveis, principalmente as que foram por competições.
Filme: Um amor para recordar
Música: Last Kiss (Pearl Jam)
Clubes que Jogou: Paranavaí-PR; ADB- Ilhéus-BA; Praia Grande-SP, Universidade Santa Cecília/FEFESP (Volei de Praia e quadra)- Santos-SP. 



WCB News: Como o voleibol surgiu na sua vida e quais dificuldades que enfrentou para se tornar profissional?

Léli Oliveira: Quando tinha nove anos de idade fui a um treino com minha irmã que já jogava pela cidade em que morávamos, neste mesmo dia, já me encantei pelo voleibol e perguntei para o técnico se eles tinham treinos para crianças e ele respondeu que sim, e foi aí que comecei na categoria de base da minha cidade, pela qual joguei por 17 anos. Enfrentei várias dificuldades, conciliar estudos com treinamentos foi uma delas. 

Quando fui para Bahia, os treinos eram longe de onde eu morava, não conhecia muita gente no começo, cheguei a pensar em desistir por algumas vezes, mas o amor pelo voleibol falou mais alto. O mesmo aconteceu quando treinava em Praia Grande, saia da faculdade e ia direto para os treinos, e para isso tinha que pegar até três ônibus, saia de casa de manha e só retornava depois das vinte horas, mas pelo voleibol cada esforço vale à pena.

WCB News: O que você gosta de fazer nos dias de folga?

Léli Oliveira: Em dias de folga por incrível que pareça, gosto de reunir uma turma de amigos e ir para a praia jogar, durante o dia e as vezes nos finais de semana de noite também.



WCB News: Além do voleibol, quais outros assuntos lhe interessam fora do esporte?
Léli Oliveira: Hoje além do voleibol tenho a faculdade como prioridade, faço parte do laboratório de fisiologia da mesma e tenho me dedicado bastante a isso, estudos tem sido algo que me tem tomado bastante tempo além do esporte.

WCB News: Toda mulher se considera vaidosa. Sendo assim, quais são os principais cuidados que você tem com a beleza? 
Léli Oliveira: Adoro malhar não apenas pela estética, mas também pela saúde, gosto de cuidar dos meus cabelos também e dificilmente saio de casa sem ao menos passar uma rímel nos olhos.


WCB News: Como você cuida da alimentação?  
Léli Oliveira: Sempre comi de tudo, mas sem exageros, evito refrigerantes mas tenho um defeito em relação a isso, sou chocólatra assumida, amo chocolate, tenho que comer ao menos um por dia.

WCB News: Quais os cuidados que você procura ter com sua saúde?
Léli Oliveira: Acredito que o exercício físico é um forte atenuante para a saúde, e por isso mesmo nas férias procuro não ficar parada, e isso já faz um enorme bem a minha saúde.



WCB News: Você tem algum cuidado especial com a beleza em dias de jogos?
Léli Oliveira: Sim, procuro estar com o cabelo bem cuidado, gosto de usar alguns detalhes como faixa no cabelo e com uma maquiagem básica nos olhos, dificilmente alguém ira me ver entrar em quadra sem que eu esteja com rímel e lápis nos olhos rsrs.

WCB News: Quais os momentos mais marcantes na carreira?
Léli
Oliveira: Ah são vários momentos, afinal durante 20 anos de voleibol, competições e treinos fui colecionando momentos únicos e inesquecíveis, então vou citar aqui o mais recente deles, que foi a conquista do campeonato universitário em Santos. Pois no ano passado neste mesmo campeonato não conseguimos o título, e este ano nos dedicamos muitos nos treinos, fazíamos treinos físicos na praia, podia estar sol ou chuva que estávamos lá treinando e nos treinos com bola na quadra já chegamos a ficar treinando até quase 23:00 hrs, foi um título do qual nos esforçamos muito para conseguir e quando fizemos o último ponto do jogo passou um filme de tudo que fizemos para chegarmos ali e conquistarmos a vitória, foi simplesmente INESQUECÍVEL.



WCB News: Quais suas expectativas na carreira de atleta?
Léli Oliveira: Bom, apesar de já ter 31 anos e de ter vivido muitas coisas através do voleibol, ainda tenho expectativas sim, quero muito ser campeã nos jogos abertos aqui em São Paulo, pois já fui pelo Paraná por algumas vezes e sei o quanto este título é importante para uma equipe. Mas além de conquistar este titulo, quero muito conseguir chegar com a minha equipe da FEFESP a disputarmos os JUBs, pode até ser um sonho “ousado”, mas já cheguei onde não imaginei que conseguisse e não acho este objetivo impossível, basta acreditar e correr atrás. 

WCB News: Um Sonho?
Léli Oliveira: Ter ao menos um único dia um treino com Bernardinho, Sérginho e Giba, meus ídolos.



WCB News: Recado para a galera que acompanha sua entrevista no o WCB NEWS:
Léli Oliveira: O recado que eu deixo é que nunca deixem que ninguém os desanime a ponto de fazê-los desistir de um sonho, por mais difícil que ele pareça, a palavra impossível não pode existir para quem tem um objetivo. Seguir carreira de atleta não é fácil, obstáculos vão aparecer sempre, terão dias em que vocês vão ter vontade de jogar tudo pro alto e voltar correndo para o lado da família, mas lembrem-se para cada um que se deixa desanimar pode ser um talento a menos para brilhar em quadra, não desistam jamais.

Gostaria de dar os Parabéns pela página de vcs, o voleibol brasileiro precisa de pessoas com iniciativas como a da WCB NEWS para que nosso esporte seja mais divulgado e mais valorizado. 


Léli,  nós que te agradecemos pela entrevista! Você é uma pessoa muito especial, além de uma excelente atleta é uma grande amiga do site, te desejamos todo sucesso e felicidade do mundo, que você continue brilhando, nas quadras e principalmente na vida! Abraços: Equipe WCB News


Entrevista concedida a Alexandre Blanco/WCB News e Walter/WCB News

Fotos: Arquivo pessoal de Léli Oliveira
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...