segunda-feira, 23 de julho de 2012

LONDRES 2012: José Roberto definir última vaga apenas no congresso técnico

José Roberto levará dúvida entre Natália e Camila Brait até último minuto

Sem o favoritismo que a acompanhou nos últimos anos e com uma dúvida na bagagem, a seleção feminina de vôlei do Brasil desembarcou neste domingo em Londres para defender o título olímpico conquistado em Pequim há quatro anos. Sorridentes e solícitas com a imprensa, as jogadoras brasileiras chegaram na cidade olímpica com ânimo renovado após as semanas de treinos em Saquarema, logo depois do vice-campeonato do Grand Prix, e com uma atleta a mais do que o permitido pelo Comitê Olímpico Internacional: Natália ou Camila Brait será cortada em decisão que José Roberto Guimarães promete levar até o último minuto, no congresso técnico da próxima quinta-feira.

Campeão dos Jogos tanto no masculino (Barcelona-1992) quanto no feminino (Pequim-2008), o treinador deixou claro que vai esperar até o fim pela ponteira, que se recupera de uma cirurgia na canela. Zé reiterou ainda que o mistério não é uma estratégia para surpreender os adversários e se mostrou confiante na manutenção de Natália no grupo.

- Não é uma carta na manga, mas temos que usar o tempo disponível até o congresso técnico, quando temos que apresentar uma lista final. Vamos ver. A Natália treinou muito bem no último dia em Saquarema, está se recuperando, a cada dia está melhor, mas precisa estar muito bem para participar do Jogos Olímpicos. Temos um tempo e vamos usar até o final.

Consciente de que chega para as Olimpíadas em um panorama diferente do que aconteceu em Pequim, quando era amplo favorito na corrida pelo ouro, o comandante brasileiro apontou os Estados Unidos como time a ser batido, mas deixou claro que o Brasil está na briga.

- Vamos chegar bem. É difícil, há quatro anos chegamos como favoritos. Hoje, chegamos em condição de brigar com qualquer seleção do mundo, mas os EUA estão na frente.

O Brasil está no Grupo B da competição, ao lado das próprias americanas e de Turquia, China, Coreia do Sul e Sérvia. As turcas serão as rivais da estreia, no dia 28, na Earls Court Arena, e José Roberto Guimarães analisou o caminho brasileiro na primeira fase.

- Muitas seleções evoluíram nos últimos anos, casos da Coreia e Turquia, que é o nosso primeiro jogo. Por sorte, trabalhei lá por dois anos. Por outro lado, o Marco Aurélio (Motta) é um brasileiro, foi técnico da seleção e conhece bem o nosso time. Vai ser uma partida difícil, até por esse conhecimento. Depois, pegamos os EUA, que é o melhor time do momento. Enfim, todo jogo vai ser uma grande dificuldade, estou com 3 x 2 em toda partida na cabeça, mas nos preparamos bem, principalmente após o Grand Prix.

O Brasil chegou a Londres com seis campeãs olímpicas (Fabi, Fabiana, Sheila, Paula Pequeno, Thaísa e Jaqueline) e sete novatas (Adenízia, Dani Lins, Fernandinha, Natália, Camila Brait, Fernanda Garay e Tandara). A delegação seguiu para a Vila Olímpica e treina ainda neste domingo em Londres. 

Fonte: Globo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...